Como falar sobre MATEMÁTICA em INGLÊS | ft. Matemática Rio

Olá pessoal Hoje vamos falar de matemática No meu canal falo de curiosidades, curiosidades matemáticas Matemática básica, matemática do ensino médio, cálculo Tudo sobre matemática Paródias! Você vai aprender matemática e você terá um tempo de entretenimento YEEEAAAH !!!!! Eu amo isso! Tempo divertido Bom Bom! Então, notei que além de amar a matemática, você também ama idiomas, certo? Sim, eu sei inglês e sei espanhol também E como você aprendeu essas línguas? Por mim mesmo! Jogando videogames, ouvindo música, assistindo filmes com legendas em inglês Isso ajuda muito

E como você melhorou sua fala? Ao hospedar pessoas de todo o mundo – Eu hospedei pessoas na minha casa – Realmente? – No Rio, certo? Então você tem muitos turistas lá – Sim Eu hospedei cerca de 200 pessoas em minha casa – Vamos, 200 cem ?! – 200 centenas! Você se lembra deste número? Boa! – Gooood! Excelente!! – Ah sim, estou bem Você é bom! Excelente, vamos lá! Exatamente, muito bom! Então vamos falar sobre as operações de matemática agora Rafa Quais são as quatro operações matemáticas básicas? Nós temos: adição, subtração, multiplicação e divisão – Estes são os quatro básicos, mas nós temos outros – Ok Temos, por exemplo, porcentagem Nós temos frações Nós temos exponenciais – Nós temos logaritmos – Ok – Nós temos raízes quadradas – Raiz quadrada Então, vamos falar sobre adição Adição porque adicionamos algo Quando você vai ao Facebook por exemplo e adiciona alguém Às vezes você diz "eu adiciono" Adicionar no Facebook Dois adicionam dois Por exemplo É igual a 6 ou é 6 Exatamente! Algumas pessoas Tem algumas pessoas aqui Então, qual é a soma de dois e dois? – Quatro – Quatro, exatamente – Então, vamos falar sobre subtrações – Subtrações Quanto é Menos, menos dois Menos, menos é mais Então são seis! Então agora vamos falar sobre a terceira operação matemática que é a divisão Divisão! Vamos lá E como se diz "dividido por dois" Dividido por Ou, se é uma fração, podemos dizer dois mais de dois É a mesma coisa que um Multiplicação! Duas vezes dois é igual a quatro E você tem alguma dica para memorizarmos a tabela de horários? Porque algumas pessoas podem achar difícil – O vídeo mais visto do meu canal, é o que eu ensino como memorizar uma tabela de horários – Ah bom! Na verdade, você não precisa memorizar a tabela de tempos Porque você já sabe disso Eu faço? Porque você só tem que saber a tabela de tempos de um, dois, cinco e dez Diga-me mais sobre isso – Por exemplo, se você tem sete vezes oito, o que quase ninguém sabe

Quanto isso custa? – Sim, tenho que pensar muito Então você pode transformar o sete em cinco mais dois Cinco mais dois são sete E então você aplica a propriedade distributiva – Cinco vezes oito e duas vezes oito – Ok Cinco vezes oito? Quarenta! – Duas vezes oito? Dezesseis – dezesseis – Então são sessenta Ok – Agora você adiciona – Quarenta mais dezesseis, cinquenta e seis – Cinqüenta e seis Muito fácil É um truque legal Você só tem que saber a tabela de tempos de um, dois, cinco e dez Dezenove vezes oito Bem, eu posso transformar os dezenove em vinte menos um Tudo bem E agora propriedade distributiva Vinte vezes oito é cento e sessenta Uma vez oito é oito Então agora você subtrai Cento e cinquenta e dois Subtração agora Duzentos e cinquenta menos trinta e quatro São duzentos e dezesseis Excelente! E agora, além disso, ok? O último Mil e vinte e cinco mais trezentos e cinquenta Então são mil trezentos e setenta e cinco Exatamente bom! – Eu acho que ele é bom – Muito obrigado! Ah sim, dois desafios O primeiro é o mais fácil – Pause o vídeo que você pause o vídeo, tente fazer isso – Pause o vídeo Agora o segundo é um desafio aritmético para você Então nove menos três dividido por um terço mais um Quanto isso custa? Eu não faço ideia Então muito obrigado Rafa por me ajudar com esse vídeo Muito obrigado por me convidar para fazer este vídeo com você Estou muito feliz e estou surpreso porque o seu inglês é ótimo! Parabéns Muito obrigado professor

Sua matemática também é ótima Só pelo mais fácil, porque o outro eu tenho que pensar muito, eu não sei – Apenas o básico -Sim, apenas o básico Então, eu espero que você goste desse vídeo Se você gostou desse vídeo, assine "English in Brazil" e "Mathematics River" ESTAMOS JUNTOS! Estamos juntos sim! Tchau tchau, até mais!

Biblioteca da ONU recebe livros em português

As Nações Unidas celebram esta semana o Dia da Língua Portuguesa e da Cultura da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa Os eventos começaram com a entrega de dezenas de livros à biblioteca da organização, em Nova Iorque

As obras em português foram apresentadas nesta terça-feira pelos embaixadores do Brasil, Portugal e Cabo Verde junto à organização Para comemorar a data, marcada a 5 de maio, também está agendado um concerto na sexta-feira Estamos a festejar esta semana o Dia da Língua Portuguesa e da Cultura da Cplp Por razões de calendário, portanto, será no dia 10, com recepção da festa musical e do convívio entre embaixadores e outros convidados, aqui nas Nações Unidas Reforçando a presença da língua portuguesa através de livros na biblioteca é uma forma que temos aqui de defender o multilinguismo no seio das Nações Unidas

O português não é uma língua oficial, mas é uma língua que está presente em vários meios de comunicação a partir das Nações Unidas Fazemos comunicações durante as reuniões estatutárias da Assembleia Geral em língua portuguesa quando necessário e conveniente A língua portuguesa tem ganhado uma presença bastante forte nos outros meios de comunicação e eu creio que o livro, também, é uma das expressões de circulação do conteúdo, digamos, da criatividade utilizando a língua portuguesa e é por isso que estamos aqui Existem na biblioteca das Nações Unidas cerca de 300 livros em português Destes, 193 são publicados no Brasil

O tema das relações internacionais domina a mais recente contribuição brasileira com obras para a organização Os títulos são chanceladas pela Fundação Alexandre de Gusmão O Brasil é um país que defende o multilateralismo e esse é o lugar por excelência onde o multilateralismo é praticado, defendido e valorizado A contribuição deste momento com livros em língua portuguesa, para a biblioteca, é parte disso também Essa doação de livros, se inscreve na celebração, é um dos atos com o qual este ano comemoramos o Dia da Língua e da Cultura Portuguesa, que terá lugar na próxima sexta-feira com uma recepção, um evento cultural

Esta apresentação de livros é uma parte importante disso também Ficamos muito contentes que pudéssemos fazer isso no contexto da Cplp Nos próximos dias a biblioteca oferecerá uma maior exposição das obras para facilitar o acesso dos falantes de português e para que leitores que venham à ONU tenham contato com assuntos tratados pelas Nações Unidas no idioma “Os nossos países oferecem livros em português à biblioteca das Nações Unidas Todos sobre temas que têm a ver com os assuntos tratados pelas Nações Unidas e por ocasião da comemoração de mais um Dia da língua Portuguesa e da Cultura da Cplp Todos nós temos feito, e não só os nossos três países como todos ou outros da Cplp, o possível para manter a língua portuguesa muito viva nas Nações Unidas e nos trabalhos dos seus respectivos órgãos, agências e programas

É muito importante para nós continuar este fluxo de informação em português para todos aqueles que falam português em todo o mundo, e manter aqui, especificamente, dentro da biblioteca das Nações Unidas, para os seus utilizadores, a possibilidade de consultarem literatura em português sobre os tratados das Nações Unidas Localizada na sede das Nações Unidas em Nova Iorque, a Biblioteca da organização oferece serviços de pesquisa e informação para apoiar a participação dos Estados-membros nas Nações Unidas Da ONU News em Nova Iorque, Eleutério Guevane

Como usar MESMO em Português?

Eu vou mesmo embora daqui? Vai mesmo? Vou Está mesmo tudo errado! Isso é assim mesmo! É, mas mesmo assim eu vou sentir saudades

Você é incrível mesmo Oi pessoal, tudo bem? No vídeo de hoje eu vou explicar os usos da palavra "mesmo" São nove usos, bem certinho pra você entender exatamente quando é que a gente usa, e por que que a gente usa tanto "mesmo"

Não é mesmo? Primeiramente, já dê um 'like' aqui no vídeo e pegue o seu caderninho, pegue o seu caderninho porque você vai precisar anotar tudo, senão depois não vai lembrar Claro que você também pode assistir o vídeo várias vezes, e deve assistir o vídeo pra compreender bem certinho Tá bom? Então, o primeiro uso O primeiro uso é pra dar ênfase é bem simples, nós vamos enfatizar alguma coisa utilizando "mesmo" Eu falo assim: nós vamos começar agora mesmo este trabalho

Eu podia dizer: "nós vamos começar agora este trabalho", mas eu quis enfatizar E aí eu posso dizer assim: "Você vai fazer isso mesmo?" Só tô enfatizando Porque eu poderia dizer: "você vai fazer isso?" Mas, quando eu digo: "você vai fazer isso mesmo?" Estou apenas enfatizando E o segundo uso, que é também para enfatizar, mas nós podemos perfeitamente traduzir por "é verdade"

Quer ver os exemplos? "Você vai mesmo morar fora do país?" Quer dizer, você vai de verdade morar fora do país? Eu falo: "Vou mesmo" Então significa o quê? Vou de verdade Outro exemplo: "eles vão mesmo se casar" E eu respondo: é mesmo? Então, quer dizer, eles vão de verdade se casar "É verdade? É mesmo?" Então, podemos substituir por: "é verdade"

O terceiro uso é quando você quer que a pessoa repita algo que já foi dito Então, fala assim: "quanto custa isso mesmo?" Ou seja, a pessoa já te falou e você tá pedindo pra repetir Então, quanto custa isso mesmo? Ou também: "o que foi mesmo que você disse? O que foi mesmo que você disse?" Então, quando você precisa que a outra pessoa repita E depois, já o quarto uso que é super usado é por semelhança Quando indica semelhança

Eu falo assim: "eu sempre venho pelo mesmo caminho para casa" Ou seja, o igual caminho "Ela sempre pede a mesma coisa no restaurante" Ou seja, está repetindo uma mesma coisa, uma igual coisa "Nós moramos na mesma cidade"

Olha a semelhança "Nós temos a mesma cor de cabelo" Semelhança também E depois nós temos o uso dele reflexivo Quando é

volta pra si aquela ação Eu falo assim: "ele mesmo consertou o carro" Ou "eu mesma fiz um bolo"

"Você comprou este bolo?" "Não, eu mesma quem fiz" Então, é uma ação da própria pessoa ou da outra que você está falando "Você mesmo quem criou isso? Foi você mesmo?" Então, essa ação reflexiva E depois o outro uso é quando a gente quer dizer "durante", "naquela data citada"

Por exemplo: "Ele foi para a Europa em 2017" "E naquele mesmo ano, ele se casou" Então, assim, naquela mesma data, naquele período Então, "durante" Eu falo: "eu viajei para o Brasil em 2015, e naquele mesmo período eu tive meu filho

" Então, também indica este durante Tudo bem? Outro jeito que nós podemos utilizar também é reflexivo, mas é mais pra dar ênfase, porque você pode utilizar ou não Porque eu falo assim: "ele mesmo não ligou para o que disseram dele As pessoas falaram mal dele, mas ele mesmo não ligou, não se importou" Então, "ele mesmo" quer dizer uma ação reflexiva, mas é só pra dar ênfase

Porque eu posso falar: "ele não ligou" Eu posso dizer assim: "eles queriam que eu viajasse com eles, mas eu mesma não quis, eu mesma não queria" Então, só tô dando uma uma ênfase nisso "Agora eu saquei, eu entendi" Eu falo: "eu quis falar com ela, mas ela mesma não quis falar comigo"

Então, é reflexivo mas assim, é só pra enfatizar Tudo bem? Vamos para o próximo? Espera aí! Estão anotando? Gente, estão anotando tudo? É muito importante Ainda no final do vídeo vou dar um bônus para vocês de uma palavra que a gente usa, que ela é a partir do "mesmo" e que a gente usa bastante Então, espera aí, anota tudo, respira, e vamos seguir Tá bom? Mas, o próximo uso é quando a gente pode substituir o "mesmo" por "ainda" ou "ainda que"

Quer ver os exemplos? "Mesmo que eu viaje, eu vou continuar pensando em você" "Mesmo que eu viaje, eu não vou esquecer de você" "Mesmo triste, ela foi embora" Então, você vê que dá para substituir pelo "ainda" "Ainda que triste, ela foi embora"

Mesmo"ainda que eu viaje, eu não vou te esquecer" Então, a gente pode substituir pelo "ainda"

Mais um bom exemplo: "mesmo sem entender, eu vou continuar estudando" "Mesmo sem entender, eu vou continuar estudando" E o último uso, você pode substituir o "mesmo" pelo "apesar disso" Por exemplo: "mesmo assim você vai ter que estudar" Quer dizer "ainda assim você tem que estudar"

Eu posso dizer: "eu fiz tudo errado, mas, mesmo assim, eles gostaram do trabalho" "Mesmo assim, eles gostaram" Então, quer dizer "ainda assim" ou seja "apesar disso eles gostaram" Tudo bem? E qual é a palavra que nós podemos fazer a partir do "mesmo"? É a "mesmice" que a gente usa muito e a "mesmice" tem o significado de rotina Por exemplo, "O casamento deles caiu numa mesmice, por isso não está dando certo"

"Eu não gosto dessa mesmice do dia a dia" "Não assisto novelas é sempre uma mesmice todos os dias" Então, é essa rotina, aquilo que se repete, você vai usar "mesmice" Tudo bem? Bem, eu espero mesmo que você tenha gostado do vídeo, e se você gostou mesmo, dê um 'like' para mim, compartilhe com todo mundo que precisa saber disso Conhecimento precisa ser compartilhado

Gente, super beijo pra vocês e até o próximo vídeo Tchau, tchau!!

COMO EU TIREI 988,7 EM MATEMÁTICA NO ENEM | Lucas Felpi

Oi pessoal! Bom dia, boa tarde e boa noite pra quem estiver assistindo Meu nome é Lucas Felpi e, se você não me conhece, esse daqui é o meu canal

Eu fui um dos que tirou 1000 na redação do Enem mas eu também tirei 988,7 em matemática, então eu vim fazer esse vídeo para dar algumas dicas e estratégias e táticas que usei na prova do Enem 2018 para tirar essa pontuação na área de matemática, e porque esse canal vai ser dedicado a ambas as áreas: à redação e à matemática, só que ultimamente eu tenho falado muito sobre redação, então eu decidi fazer esse vídeo falando de matemática, para ajudar vocês com essa matéria Bom, eu queria falar que, de novo, obrigado pela audiência que está tendo esse canal, porque está cada vez mais crescendo Hoje já tem 37 mil inscritos e eu estou ouvindo as sugestões de vocês, então eu mudei, por exemplo, o ângulo da câmera, agora acho que está mais reto, porque antes estava pra baixo Estou tentando mudar a velocidade da minha voz, que eu sei que eu falo muito rápido, então estou tentando falar mais devagar, e poder passar o conteúdo aqui pra vocês, porque essa é a intenção do canal e a cada dia a gente vai melhorando assim Queria explicar que, sim, eu tirei 988 em matemática, o que é uma nota absurdamente boa, eu não estava esperando

Eu acertei 43 de 45 questões da área de matemática da prova, então foi uma boa pontuação Eu não imaginava acertar tantas, mas eu tive várias dicas e várias formas de realizar essa prova que me ajudar a chegar lá, e que me trouxeram essa pontuação Eu sabia que eu ia bem na prova, não sabia que eu ia tanto assim E eu acho que essa confiança que eu tinha da prova também foi uma forma de ajudar nesse sentido Primeiro de tudo, eu queria falar que é importante sim estudar o conteúdo de matemática

Eu não vou falar tanto sobre isso, porque já fiz um outro vídeo, que é "como estudar matemática", que vai estar naquele cardzinho em um dos cantos da tela, que eu não aprendi qual é ainda, pra você clicar e assistir o outro vídeo Mas eu queria falar que, sim, é importante estudar esse conteúdo, e, para a prova do Enem, é importante que você foque em que conteúdos são mais cobrados, porque o Enem não cobra uma temática tão avançada quanto outros vestibulares, como Fuvest, Unicamp (eu sou do Sudeste, então eu conheço mais esses vestibulares), mas ele cobra uma matemática mais básica, mais fundamental de lógica Você tem que saber raciocínio lógico, você tem que saber porcentagem, análise de tabelas, de gráficos, geometria espacial, funções, estatística, probabilidade, análise combinatória Você tem que saber uma matemática mais básica e mais lógica para a prova do Enem O que dificulta são outros fatores, que eu vou abordar agora

Além de estudar o conteúdo, o que eu acho que é mais importante pra matemática do Enem e que me fez tirar essa pontuação, é estudar a prova Então assim, eu fiz o Enem 2017 também e no Enem 2017, como treineiro, eu tinha acertado no máximo umas umas 30 questões É uma pontuação boa, sim, mas, falando comparado com o que eu tirei em 2018, é bem menor E o que fez a maior diferença pra mim foi estudar a prova de matemática do Enem, não é estudar tanto o conteúdo, é estudar a prova Pra mim estudar a prova é tão essencial, porque a prova do Enem de matemática é muito única, é muito diferente de outros vestibulares, é muito diferente de outras provas e exames que você deve ter feito

Ela envolve um estilo de questão muito específico e que, se você treinar, você domina muito bem, e consegue fazer a prova com o conteúdo que você estudou Então, dentro desse estudar a prova, eu acho que uma coisa muito importante é você estar o estilo de questão Como eu falei, ele é muito único, muito diferente dos outros vestibulares Como é esse estilo de questão? Eu vejo que as questões do Enem são muito de matemática e interpretação de texto Então, além de você saber o conteúdo de matemática, você tem que saber interpretar texto, tem que saber lidar com textos longos, às vezes são muito longos, e que são complicados, envolvem problemáticas do cotidiano Sempre tem uma situação do cotidiano para você resolver usando a matemática, mas, para você resolver o exercício, para você resolver essa situação, você precisa saber ler muito bem, você precisa saber selecionar as informações, os dados e os comandos desse enunciado, para você começar a resolver a questão

E como que você entende esse estilo de questão propriamente dito, não só eu falando, mas você precisa treinar, você precisa ir atrás de exercícios de anos anteriores, de edições anteriores do Enem, e procurar como eram essas questões, porque o estilo de prova se repete Essas questões vão aparecendo um ano após o outro, tem questões com raciocínio muito parecido de anos diferentes, então esse estilo de prova, esse estilo de questão, se repete Se você treinar, você domina, então isso é baseado no treino Depois que você entendeu mais ou menos o estilo de questão do Enem, é importante que você procure métodos de resolução da prova Como você vai resolver cada questão, e como você vai resolver a prova numa totalidade né, o segundo dia do Enem inteiro e as 45 questões de matemática

Eu desenvolvi alguns desses métodos que eu vou compartilhar Eu peguei o hábito de começar a prova do Enem no segundo dia por matemática, porque eu sabia que eu tinha mais facilidade no conteúdo de matemática do que no conteúdo de ciências da natureza, e pessoalmente, eu sentia que precisava de mais força e energia para fazer a prova de matemática, então eu começava por ela, por ela demandar mais energia, eu precisar ter a cabeça mais fresca, mais leve, para fazer essa prova que demandava mais de mim Mas eu prefiro não fazer a prova inteira de matemática de uma vez, eu sinto que se eu fizesse as 45 questões de uma vez só (o que eu também já tentei fazer e não deu certo), eu fico esgotado Minha cabeça não consegue mais fazer conta Chega lá na questão 30, 35, eu já não sei mais fazer 2×2, eu não consigo fazer conta de multiplicação porque eu travo, eu demoro muito mais

Então, pra equilibrar e não desgastar tanto a minha cabeça, o que eu fiz foi fazer 25 questões de matemática, parar, mudar pra ciências da natureza, fazer 25 questões de ciências da natureza, e aí voltar pra matemática de novo, terminar as outras 20 e terminar as outras 20 de ciências Porque assim, cada questão de matemática tem cálculo envolvido, não tem nenhuma questão ou poucas raras que não tem nenhum cálculo, que seja só raciocínio lógico, mas, para equilibrar, nas questões de ciências da natureza têm questões, por exemplo, de química, de biologia, que não tem cálculo, são só teoria Então ajuda a equilibrar e não gastar tanto sua cabeça com números Além disso, é importante que você saiba que ordem fazer as questões, porque eu não fazia as 25 questões na ordem que eram dispostas na prova Eu lia na ordem, mas eu pulava as mais difíceis

Então assim, se você não conhece o Enem, ele é avaliado pela Teoria de Resposta ao Item Essa Teoria de Resposta ao Item, a TRI, ela valoriza as questões fáceis em detrimento das difíceis Então se você acerta uma questão difícil mas erra uma questão fácil, ele vai achar que essa questão difícil foi chute, então ele vai anular essa questão que você acertou Então não vale a pena você gastar tanto tempo com as difíceis, se você não vai conseguir fazer as fáceis O importante é que você foque nas fáceis, e, se der tempo, terminar as difíceis

A tática que eu fazia nos meus simulados, e eu fiz no Enem, era de ler todas as questões, sim, na ordem, mas, a partir da leitura, perceber: "será que eu consigo fazer essa questão?", "será que é uma questão fácil?", e aí eu faço, ou, senão, "será que essa é uma questão difícil?", eu marcava com uma estrelinha, pulava, ia fazer outras questões da prova, para não perder tempo E, assim, a cada questão que eu fazia, que era uma questão que eu sabia fazer, que era uma questão que era fácil provavelmente, eu marcava com o checkzinho e, quando contabilizava 25, eu passava para a prova de ciências da natureza, para fazer esse equilíbrio E essa tática, de usar a TRI a seu favor, de fazer primeiro as fáceis e guardar as difíceis para depois, funcionou muito para mim, porque eu comecei a princípio a fazer só as fáceis, eliminando as fáceis, ou seja, resolvendo todas, e depois, quando eu voltei pra prova de matemática lá no final, quando eu voltava sobravam as difíceis, e aí eu gastava um pouco mais de tempo para tentar resolver difíceis (o que eu consegui resolver a maioria), e, as que eu não conseguia, eu tentava dar algum chute, eu tentava fazer alguma forma por tentativas de resolver E assim, eu resolvi 43 das 45 Essas duas que eu errei eram questões difíceis, eu vou colocar aqui essas duas que eu tinha errado, porque eu não lembro de cabeça quais eram, o número das questões, mas elas estão aqui

Uma delas, eu tinha feito, eu tentei fazer, mas era muito difícil, era uma questão muito longa de probabilidade, então eu tentei fazer mais errei em algum detalhe ali no meio, e a outra eu realmente não sabia, então eu chutei Era uma questão de logaritmos, se não me engano Eu não sabia fazer, então eu chutei As outras questões, eu realmente tinha focado nas fáceis, e depois quando eu voltei pra prova, eu fiz as mais difíceis, e realmente consegui fazer, porque eu estava mais tranquilo, eu tinha já eliminado as mais fáceis e não tinha como a TRI me prejudicar As que eu errei eu sabia que iam ser questões difíceis, e que não ia ter problema errar porque não ia tirar tantos pontos meus

E assim como vocês vêem, não tirou: tirou 12 pontos (menos que isso, 11,3 pontos) de mim Pensando mais especificamente em como eu resolvia cada questão, não só a prova no geral, eu tinha algumas técnicas para a resolução individual Quando eu analisava uma questão, eu primeiro lia o comando dela, ou seja, a última frase, a última linha dela, pra ver qual era o comando, o que perguntav,a o que se pedia, para depois ler o texto Assim você já faz uma leitura focada, e já selecionando o que você precisa para resolver a pergunta, porque você já sabe o que você vai ter que entregar depois A seguir, enquanto você está lendo o texto, à procura dessas informações e à procura do que você precisa para dar o que ele pediu, eu anotava bastante os dados que eram dados (os dados que eram dados?)

Eu não anotava bastante as informações que eram fornecidas pelo enunciado Então assim, eu via que tinha um número, uma informação importante ali no enunciado, eu anotava, separava, ou grifava né, para selecionar e poder depois analisar o que eu podia fazer com essas informações, manipular elas para chegar no resultado que ele queria Depois que você anotou essas informações, e você sabe o que o enunciado de forneceu, você sabe o que o enunciado está pedindo de você, o importante é que você pense uma forma de resolver o exercício, pense num passo a passo antes de começar a fazer conta Então, como eu posso manipular essas informações, brincar com esses dados, para chegar na informação que ele quer? Esse passo a passo pode não vir de cara, pode não vir na hora, mas você pode depois desenvolver um pouco mais o raciocínio, ficar pensando um pouco nisso, e aparecer Assim, é importante que você esteja com a cabeça aberta, pense em vários assuntos e vários conhecimentos matemáticos que você conhece, pra jogar com isso, porque a parte difícil já passou

A parte difícil da prova do Enem é a parte de interpretação de texto Quando você já conseguiu selecionar e filtrar as informações do enunciado, você já consegue resolver com o conteúdo básico de matemática Não tem mais nenhum filtro, nenhuma máscara, escondendo a parte conteudística da prova E, caso você não consiga pensar nesse passo a passo em si, você pode começar, sim, a brincar com os números, a jogar cálculos e testar, e caso nada dê certo, fazer por tentativas, sim Eu tive questões que eu tive que fazer por tentativa: testar cada alternativa, de uma forma que seja rápida, porque você não tem tanto tempo (é em média três minutos por questão, você tem que também agilizar um pouco), mas eu fui tentando às vezes, sim, por tentativas, testando cada alternativa, vendo como cada alternativa poderia se encaixar ou não no enunciado, porque, afinal, é uma prova teste, você tem essa possibilidade

A última coisa que realmente me fez muita diferença na prova do Enem 2018, comparado com a do Enem 2017, foi a minha confiança Eu tinha confiança no trabalho que eu tinha feito ao longo do ano, nos estudos de matemática que eu tinha feito ao longo do ano, porque, sim, eu tinha treinado muito matemática ao longo do ano Não só teoria, como eu falei, mas treinar os exercícios: eu tinha feito muitas provas do Enem de edições anteriores, eu tinha feito muitas questões do estilo Enem pra trabalhar com isso e entender o estilo de questão Eu sabia mais ou menos o que ia vir nessa prova Eu não estava com medo com essa prova, eu estava confiante, então o importante é que você realmente não tenha o medo, não tenha o preconceito com a prova, e você se sinta capaz de dominar, sim, aquela área da prova, sem ter essa insegurança que muitos têm, porque quanto mais confiante você fica, mais você pensa "Eu consigo resolver essa prova, eu consigo resolver cada uma das 45 questões", melhor você vai se sair

É meio previsível o que vai cair na prova de matemática, porque as questões são semelhantes, os conteúdos cobrados são semelhantes, e os raciocínios que você precisa ter são, também, semelhantes Então é basicamente poder tirar essa máscara de difícil da prova do Enem, e botar na sua cabeça, ter essa consciência, de que a prova pode ser fácil, sim, se você treinar, se você se adaptar com o estilo de questão, o estilo de prova, até o fim Eu tô aqui com meu caderno do Enem, a prova do Enem 2018, que eu mesmo fiz, foi o caderno rosa, pra falar de três questões especificamente que podem exemplificar um pouco do que eu falei neste vídeo A primeira delas é a questão 149 da prova rosa, que a questão dos círculos com o plano cartesiano, que ele pergunta qual é o caminho mais curto entre o ponto B e o ponto A, e assim, eu, especificamente, não sabia o que era mais curto: você fazer por linhas retas, você fazer por arcos da circunferência, você andar uma linha reta para baixo no B, depois um arco de conferência raio 3 dando a volta (que é um terço da circunferência), e depois mais três linhas retas ali até o A, ou você andar duas linhas retas no B, o arco de circunferência 2 eu não sabia qual seria mais curto, então o que eu fiz foi por tentativas Eu peguei as alternativas, cada uma exemplificava um caminho possível, e eu resolvi todas elas substituindo pi por 3,1 (que foi o que ele me deu), pra ver qual seria o mais curto, e realmente dava alternativa A Outra questão possível de explicar como o conteúdo da prova não é tão difícil, mas os textos às vezes complicam, é essa questão aqui do colesterol que caiu também no ano passado, que tinha um texto longo, explicando uma situação do cotidiano sobre um paciente que tinha colesterol tal, e ele deu tudo isso, deu uma tabela, e aí ainda continua falando sobre o paciente, perguntou qual era a classificação da taxa de LDL desse paciente Então assim, quando eu já li primeiro o comando da questão, já sabia que eu tinha que eu descobrir qual era a classificação, e a classificação é dada na tabela, então eu sabia que eu tinha que usar a tabela

E eu procurei os dados no enunciado, quando fui lendo, selecionando, então eu sabia que a taxa de colesterol era 280 (ele deu ali em cima, no primeiro parágrafo) e, depois, no terceiro parágrafo, depois da tabela, ele deu que a taxa de LDL primeiro reduziu 25% e depois reduziu mais 20%, então era uma conta simples, eu só precisava selecionar os dados, filtrar, tirar essa máscara de díficil da questão, e falar "Calma, eu só precisava reduzir 25% de 280 e depois reduzir mais 20%", ou seja, era uma conta simples de porcentagem, e depois verificar na tabela em qual categoria o resultado se encaixava, o que dava letra D, que era alta E, por último, a questão 177, que é essa dos carrinhos que caiu, também era uma questão que parecia ser um pouco mais difícil, porque tinha um texto longo, tinha gráfico, mas era uma questão bem fácil na verdade, porque se você lesse, não tinha muita coisa que você precisava usar a não ser uma informação, que ficava lá no terceiro parágrafo, que falava que a marca A expandiu de 2015 para 2016 as suas vendas em 360 unidades Então, quando você via no gráfico que entre 2015 e 2016 tinham três carrinhos a mais, você conseguia perceber que esses três carrinhas simbolizavam 360, ou seja, cada carrinho valia 120 unidades Então você conseguia saber quantos carros foram vendidos em cada ano, porque cada carrinho, cada simbolozinho valia 120 unidades É que nem as brincadeiras de Facebook que você vê, que você tem os simbolozinhos, as figurinhas, valendo números, e você precisa resolver o que vale cada figurinha

Então ele perguntava a média anual das vendas de carros, dava 320, alternativa D Isso não era difícil, era uma questão fácil, mas que você precisava só filtrar e tirar essa máscara de difícil, esse peso que fica na hora da prova, parecendo que a questão é super difícil Enfim, esse foi o vídeo de hoje, eu espero que vocês tenham gostado, espero que tenha ajudado essas dicas, que essas táticas podem ser aplicadas nos simulados de vocês, na prova do Enem de vocês, e que vocês consigam, sim, alcançar um resultado bom em matemática, porque vale muito na prova do Enem, vale muito mesmo para o seu resultado e para depois você aplicar no Sisu, entrar na faculdade que você tanto sonha Se você gostou deste vídeo, deixa o like aqui embaixo, se você gostou do canal se inscreve aqui, e vai lá no meu Instagram que essa semana mesmo eu fiz um Redação Pop, que é um quadro que eu faço de análise de séries e filmes para usar na redação, sobre Game of Thrones Se você assiste Game of Thrones então tá aí, como você pode usar uma Game of Thrones na sua redação, lá no Instagram: @lfelpi

Eu fiz esse post essa semana mesmo, com todas as temporadas analisadas para usar na redação, vai lá, clica lá, que você vai gostar com certeza se você é fã Beleza? Então muito obrigado gente, e até a próxima! Um beijo!

Exclusivo: Em português, secretário-geral da ONU dirige-se a Moçambique após ciclone.

Face à imensa tragédia que assolou Moçambique, eu quero exprimir a minha total solidariedade ao povo moçambicano e ao seu governo E ao mesmo tempo, as minhas sinceras condolências às famílias de centenas e centenas de moçambicanas e moçambicanos que morreram

Não sabemos ainda o número certo E ao mesmo tempo, exprimir a todos os que perderam membros da sua família ou perderam a sua casa, que viram as escolas onde os seus filhos estudavam destruídas, as estradas que percorriam desaparecer, que não mais têm a possibilidade de colher aquilo que semearam A todos quero dizer que as Nações Unidas estão convosco, que os trabalhadores das agências das Nações Unidas, no plano humanitário, no plano do desenvolvimento, desde a primeira hora, procuram fazer o seu melhor para ajudar o povo moçambicano a sair desta crise enorme e a recomeçar o seu caminho de desenvolvimento Vai ser duro, vai levar tempo, vai exigir uma mobilização muito grande de todos os esforços, nacionais e internacionais Mas nós nas Nações Unidas estamos convosco e estamos, ao mesmo tempo, a apelar à comunidade internacional para uma ajuda maciça a Moçambique, para que Moçambique possa recuperar o mais depressa possível desta imensa tragédia

Como ser bom em Matemática

Bom galera! Ricardo Alencar da Escola Aprender, e hoje eu vou falar sobre, como ser bom em matemática Esse meu canal, ele na verdade, ele não é só pra falar de matemática, tem muito conteúdo de matemática, porque eu sou professor de matemática e de física, ou seja, ciências, só que muitas pessoas tem muita dificuldade, e é por isso que eu me dedico bastante a colocar conteúdo de matemática, mas também vídeos como esse, que falam dicas ou então reflexões sobre aprender, sobre melhorar a inteligência e tudo mais

Então vamos pensar no seguinte Você é bom de matemática? Bom, a maioria das pessoas vai dizer que não, Só que é o seguinte, a grande parte da humanidade tem plena condição de se tornar inteligente em matemática, a questão é nem todo mundo acredita nisso, nem todo mundo faz por onde se tornar melhor em matemática Então é o seguinte, pensando nessa dificuldade, pensando nessa nesse problema de ter que aprender matemática e achar que não pode, achar que não consegue é que eu desenvolvi esse canal, mas que ele vai além disso né ele vai além de pensar em melhorar em matemática, mas para você que está com essa dificuldade, vamos pensar o seguinte Não existe essa questão de gênio para a grande maioria das pessoas, na verdade boa parte dos matemáticos profissionais, são pessoas com inteligência normal, apenas que se dedicaram mais e se desenvolveram, mas ai você vai dizer: Ah mas aquele menino inteligente com 12 doze anos de idade, consegue resolver todos os problemas do mundo, tudo bem, existem pessoas com essa capacidade mas são minorias, tão minoria como as pessoas que não conseguem de jeito nenhum aprender matemática, por problema fisiológicos por problemas mentais, e isso também é exceção, a grande maioria das pessoas, consegue aprender matemática, e consegue se desenvolver Então vou falar aqui de 4 dicas para que você aprenda matemática, para que você melhora na sua matemática, para que você se torne pelo menos bom em matemática

Primeira dica, esse carinha aqui é o Saitama, e ele é de um anime de um mangá que eu gosto muito, porque é muito engraçado, que é o One Punch Man ele é um cara que consegue derrotar todos os inimigos com um soco só, todos inimigos e aí, porque que ele, eu escolhi o Saitama pra falar inicialmente essa primeira dica? É o seguinte ele um dia entediado na verdade essa é a graça do anime, superentediado eu acho um saco tudo, ele vai ser herói só pra se divertir, ele, ele lida com um vilão e quase não consegue derrotar o vilão, por muita sorte ele consegue atingir o ponto fraco do vilão e se interessa em se tornar herói, então ele aplica uma serie de exercícios, todos os dias, durante 3 anos e de repente ele se torna o maior herói de todos os tempos naquele mundo, ele é superpoderoso, ele qualquer inimigo que ele lida ele consegue lidar com apenas um soco, quando ele coloca todo o seu poder né, e isso é bem interessante, porque a gente está acostumado com os desenhos tipo, Dragon Ball, Naruto One piece que o herói vai se desenvolvendo ao longo de todo anime, de todo mangá Quanto ao One Punch Man não, ele já está no nível máximo, e agora vão se desenvolver outras coisas Pois bem, mas o que eu quero dizer da dica, essa dica número 1, tenha à vontade o desejo real de se tornar bom em matemática, tenha a vontade e o desejo real Ele teve essa vontade, então ele se dedicou ao longo de 3 longos anos, e o treinamento dele é muito engraçado, porque não é um treinamento tão difícil assim Porque que é engraçado? Porque ele vai fazer cem flexões, cem agachamentos, cem abdominais e correr dez quilômetros todos os dias, e aí ele se tornou o maior herói do mundo, mas você pode pensar

Meu Deus como é que é isso ? Como é que eu vou me tornar melhor em matemática? Vá assistir o anime para ver essa situação, é porque ele enfrentou grandes dificuldades no processo, teve preguiça, teve dor muscular, teve um monte de coisa que aconteceu, mas ele acreditou, ele não se sentiu impotente diante das situações, ele foi lá, quis, encarou, e pagou o preço de se tornar o maior herói de todos os tempos Entendeu ? Então isso é que é interessante, tenha vontade, tenha desejo realmente, a motivação, e essa motivação não é no primeiro dia, não é após esse vídeo que você, eu sou melhor de matemática, não é no processo, e é por isso que vem a segunda dica, assim, segunda dica é o seguinte Todo o edifício, toda casa, ela precisa de fundamentos, e é por isso que esses meus vídeos aqui eu coloco muita coisa de fundamento, adição, subtração multiplicação, divisão, dentro em breve eu vou colocar coisas de espaço e formas, geometria, grandezas, medidas, coisas da matemática básica, coisas da matemática simples, e se você aprender agora nesse momento você vai dar uma base, um fundamento, para todo edifício que você vai construir a partir de hoje, então e essa é a ideia, você tem que construir sobre rocha, e essa rocha é o fundamento, é colocar pedra é colocar o que a gente chama de seixo, areia, concreto, colocar ferro, e isso é que vai te dar a base, quando você vai estudar ,não adianta se você não tiver essa base matemática, você fica parado, não adianta estar agora no ensino médio, não adianta estar no ensino superior ou na pós graduação ou no seu trabalho, e não ter esse fundamento, é preciso voltar , é preciso dar 2 3 4 cem passos atrás, para que você consiga subir, entendeu ? Então construa esse fundamento, se dedica a construir esse fundamento Terceira ideia que vou falar é o seguinte Vamos voltar ao Saitma

Ele fez durante 3 anos essa sequencia de exercícios Em matemática não tem segredo É realizar exercícios diariamente, frequentemente, as vezes até voltando para o que você já sebe, e pra tentar entender algo novo Então você tem que fazer, tanto o exercício que você conhece, quando desafios que você ainda não conhece, e esse processo de fazer algo novo, de tentar resolver algo que você ainda não conseguiu resolver, é o que vai te ajudar, é o que vai te fortalecer, é o que vai te deixar muito mais poderoso na matemática Bom o quarto tem haver com esse terceiro, que é hackear os exercícios, que nem um hacker de computador, que vai lá entra no código, entra no site, consegue ver o que está lá por dentro

A mesma coisa são com exercícios, você precisa abrir esses exercícios e não só resolver O que é que eu quero dizer com isso? Bom galera! Ricardo Alencar da Escola Aprender, e hoje eu vou falar sobre, como ser bom em matemática Esse meu canal, ele na verdade, ele não é só pra falar de matemática, tem muito conteúdo de matemática, porque eu sou professor de matemática e de física, ou seja, ciências, só que muitas pessoas tem muita dificuldade, e é por isso que eu me dedico bastante a colocar conteúdo de matemática, mas também vídeos como esse, que falam dicas ou então reflexões sobre aprender, sobre melhorar a inteligência e tudo mais Então vamos pensar no seguinte Você é bom de matemática? Bom, a maioria das pessoas vai dizer que não, Só que é o seguinte, a grande parte da humanidade tem plena condição de se tornar inteligente em matemática, a questão é nem todo mundo acredita nisso, nem todo mundo faz por onde se tornar melhor em matemática

Então é o seguinte, pensando nessa dificuldade, pensando nessa nesse problema de ter que aprender matemática e achar que não pode, achar que não consegue é que eu desenvolvi esse canal, mas que ele vai além disso né ele vai além de pensar em melhorar em matemática, mas para você que está com essa dificuldade, vamos pensar o seguinte Não existe essa questão de gênio para a grande maioria das pessoas, na verdade boa parte dos matemáticos profissionais, são pessoas com inteligência normal, apenas que se dedicaram mais e se desenvolveram, mas ai você vai dizer: Ah mas aquele menino inteligente com 12 doze anos de idade, consegue resolver todos os problemas do mundo, tudo bem, existem pessoas com essa capacidade mas são minorias, tão minoria como as pessoas que não conseguem de jeito nenhum aprender matemática, por problema fisiológicos por problemas mentais, e isso também é exceção, a grande maioria das pessoas, consegue aprender matemática, e consegue se desenvolver Então vou falar aqui de 4 dicas para que você aprenda matemática, para que você melhora na sua matemática, para que você se torne pelo menos bom em matemática Primeira dica, esse carinha aqui é o Saitama, e ele é de um anime de um mangá que eu gosto muito, porque é muito engraçado, que é o One Punch Man ele é um cara que consegue derrotar todos os inimigos com um soco só, todos inimigos e aí, porque que ele, eu escolhi o Saitama pra falar inicialmente essa primeira dica? É o seguinte ele um dia entediado na verdade essa é a graça do anime, superentediado eu acho um saco tudo, ele vai ser herói só pra se divertir, ele, ele lida com um vilão e quase não consegue derrotar o vilão, por muita sorte ele consegue atingir o ponto fraco do vilão e se interessa em se tornar herói, então ele aplica uma serie de exercícios, todos os dias, durante 3 anos e de repente ele se torna o maior herói de todos os tempos naquele mundo, ele é superpoderoso, ele qualquer inimigo que ele lida ele consegue lidar com apenas um soco, quando ele coloca todo o seu poder né, e isso é bem interessante, porque a gente está acostumado com os desenhos tipo, Dragon Ball, Naruto One piece que o herói vai se desenvolvendo ao longo de todo anime, de todo mangá Quanto ao One Punch Man não, ele já está no nível máximo, e agora vão se desenvolver outras coisas

Pois bem, mas o que eu quero dizer da dica, essa dica número 1, tenha à vontade o desejo real de se tornar bom em matemática, tenha a vontade e o desejo real Ele teve essa vontade, então ele se dedicou ao longo de 3 longos anos, e o treinamento dele é muito engraçado, porque não é um treinamento tão difícil assim Porque que é engraçado? Porque ele vai fazer cem flexões, cem agachamentos, cem abdominais e correr dez quilômetros todos os dias, e aí ele se tornou o maior herói do mundo, mas você pode pensar Meu Deus como é que é isso ? Como é que eu vou me tornar melhor em matemática? Vá assistir o anime para ver essa situação, é porque ele enfrentou grandes dificuldades no processo, teve preguiça, teve dor muscular, teve um monte de coisa que aconteceu, mas ele acreditou, ele não se sentiu impotente diante das situações, ele foi lá, quis, encarou, e pagou o preço de se tornar o maior herói de todos os tempos Entendeu ? Então isso é que é interessante, tenha vontade, tenha desejo realmente, a motivação, e essa motivação não é no primeiro dia, não é após esse vídeo que você, eu sou melhor de matemática, não é no processo, e é por isso que vem a segunda dica, assim, segunda dica é o seguinte

Todo o edifício, toda casa, ela precisa de fundamentos, e é por isso que esses meus vídeos aqui eu coloco muita coisa de fundamento, adição, subtração multiplicação, divisão, dentro em breve eu vou colocar coisas de espaço e formas, geometria, grandezas, medidas, coisas da matemática básica, coisas da matemática simples, e se você aprender agora nesse momento você vai dar uma base, um fundamento, para todo edifício que você vai construir a partir de hoje, então e essa é a ideia, você tem que construir sobre rocha, e essa rocha é o fundamento, é colocar pedra é colocar o que a gente chama de seixo, areia, concreto, colocar ferro, e isso é que vai te dar a base, quando você vai estudar ,não adianta se você não tiver essa base matemática, você fica parado, não adianta estar agora no ensino médio, não adianta estar no ensino superior ou na pós graduação ou no seu trabalho, e não ter esse fundamento, é preciso voltar , é preciso dar 2 3 4 cem passos atrás, para que você consiga subir, entendeu ? Então construa esse fundamento, se dedica a construir esse fundamento Terceira ideia que vou falar é o seguinte Vamos voltar ao Saitma Ele fez durante 3 anos essa sequencia de exercícios Em matemática não tem segredo

É realizar exercícios diariamente, frequentemente, as vezes até voltando para o que você já sebe, e pra tentar entender algo novo Então você tem que fazer, tanto o exercício que você conhece, quando desafios que você ainda não conhece, e esse processo de fazer algo novo, de tentar resolver algo que você ainda não conseguiu resolver, é o que vai te ajudar, é o que vai te fortalecer, é o que vai te deixar muito mais poderoso na matemática Bom o quarto tem haver com esse terceiro, que é hackear os exercícios, que nem um hacker de computador, que vai lá entra no código, entra no site, consegue ver o que está lá por dentro A mesma coisa são com exercícios, você precisa abrir esses exercícios e não só resolver O que é que eu quero dizer com isso? É que você precisa entender o processo, como é que esse processo, de resolver esse tipo de exercício, me ajuda a resolver outros tipos, qual é o passo a passo, qual é o passo a, o passo b o passo c, não e simplesmente chegar no resultado e marcar alternativa, você tem que resolver e entender o que é que você fez, e pegar esse processo, e tentar colocar em outras situações, que as vezes vai dar certo, que as vezes não

É muito comum o professor falar, gente coloca aqui os dados, agora olha qual é o conteúdo, agora vê, como é que se resolve outros exercícios, e volta pra esse, a ideia é essa, você hackeia, você procura entender, como é que se resolve aquele exercício, para aplicar em outros, e quando não der certo você vai ter que criar um novo processo, uma nova forma de resolver Entendeu? Então são essas quatro dicas para você começar e de fato se segui-las, vai te ajudar muito a se tornar bom em matemática Tá legal? Espero que você tenha gostado Passe isso para outras pessoas que se acham ruins em matemática, se você achar que esse conteúdo é interessante E eu agradeço você ter ficado até o final do vídeo

Até mais! AH! Não se esqueça de se inscrever aqui no canal Da aquele like se você gostou Até mais !!!

AS MAIORES DIFICULDADES PRA MIM EM PORTUGUÊS

Oi pessoal É Damon e Jo não está aqui porque ela está em NY e eu estou em Paris Tão linda, não é? Mas tudo bem, porque neste vídeo eu vou contar para vocês meus problemas com o português -Nós vamos falar sobre tudo isso- Como as coisas que você talvez nunca tenha notado Quando eu estava crescendo em Indiana o paraíso Eu nunca pensei que eu iria aprender Português Eu nem conhecia ninguém do Brasil quando era jovem, nunca tinha ido ao Brasil antes Eu estive no Brasil duas vezes, pessoal Quando eu falo em português com alguém do Brasil ou de Portugal, eles sempre me perguntam "Português é muito difícil, né?" E não, não é Eu não acho que o português é muito difícil Vocês em casa devem ser como "Sim, Damon Eu acho que é um pouco difícil para você" Mesmo assim eu tenho alguns problemas com isso, então vamos começar Olha, por que vocês têm duas formas do número dois? Tem "dois" e tem "duas" Mas não há "três" e "tresa" Não há "quatro" e "quatra" E talvez você vai me ouvir dizer coisas como "me dê dois (" dois ", masculinos) frascos" Não, não são "dois (dois) frascos" Damon, é "duas" A palavra duas mudanças "Seu (seu, masculino)" e "sua (seu, femenino)" Eu sempre penso que "seu" e "sua" são como "dele (his)" e "dela (ela)" "Sim, sim, meu amigo sim, sua (sua) casa" Não, em "sua (sua) casa" eu estou falando de você, mas eu queria dizer "Não, não, é a casa dela" O pronome muda sua posição "É o meu (meu) celular" "É o seu (seu) celular" Mas se este for o celular de Jo, diremos "É o celular de Jo" Então, nós temos este Por exemplo, se estou falando com meu amigo João e esta é sua garrafa, o que eu faço? É "sua garrafa (masculina)" porque você é um homem ou é "sua (sua, feminina) garrafa" porque garrafa é uma palavra feminina de gênero É a garrafa "sua" Sim, sim, eu entendo, mas é muito complicado para alguém que tem que mudar o gênero do objeto quando não existe em inglês Os dias da semana Quando você planeja sair, comer, encontrar amigos Eu sempre tenho que

DICAS para FALAR em PORTUGUÊS!

Oi pessoal, tudo bem? O vídeo de hoje é para você que quer falar português, mas não tem ninguém para conversar Você tem esse problema? Então, vamos resolver isso hoje! Exatamente

Hoje e vou dar dicas para você começar a falar português e praticar todos os dias, está bem? A primeira delas é para você que quando quer falar em português, começa assim é terrível não é? Quando a gente quer falar e as palavras não vêem Essas dicas são importantes para você praticar qualquer idioma, tá bom? Nesse caso nós vamos falar do português, é claro

E por que isso? Porque senão você estuda, estuda, estuda e na hora que for precisar falar, não sai nada Não é mesmo? Aí vai ficar Não é verdade? Então, não é essa ideia, a ideia que você comece a falar hoje, tá bom? Mas não tem ninguém para conversar em português? Eu não tenho amigos brasileiros eu não conheço ninguém

Não tem problema, tá bom? Vamos prestar atenção A primeira delas, qual é? É para você ler em voz alta um pequeno texto em português O que é pequeno texto? Cinco linhas Se você está começando, cinco linhas está bom Ou dez linhas, se você já sabe um pouco mais português, leia dez linhas

Vai ler como? Em voz alta, um tom acima da sua voz Não é para ler assim Não! Precisa ler: "hoje está um dia muito bonito

Fui ao parque com os meus amigos, depois tomamos um açaí na casa da dona Joana" Por que tem que ler em voz alta? Porque você começa a se perceber se está falando corretamente, não é? Porque, se você está lendo assim você não vai estar se ouvindo, não é mesmo? E não está falando exatamente

Quando você lê em voz alta, também você vai estar exercitando seu aparelho fonético Nós quando nascemos e aprendemos um idioma, nós desenvolvemos o nosso aparelho fonético para pronunciar aquele idioma Então, os fonemas que aprendemos são somente aqueles Quem é bilíngue vai aprender outros fonemas também E então, quando estamos estudando, precisamos praticar esses outros fonemas

E, como vamos praticar e aprender? Só falando e se não temos ninguém para falar, nós vamos ler um texto em voz alta e assim, desenvolvemos esses fonemas Quando, por exemplo eu estava estudando espanhol no passado, eu não sabia fazer o R desse jeito RRRR e a professora falava, vocês têm que praticar, vocês precisam praticar este R e muitas pessoas não conseguiam tremer a língua assim

E depois com muita prática, todos conseguiram A mesma coisa em inglês, nós não temos no português o TH com este som de que coloca a língua entre os dentes

Isso é prática Tivemos que ficar praticando, praticando, até se tornar uma coisa natural E a mesma coisa vocês, então vocês vão falando, falando, mesmo sozinhos que vocês vão, o que? Exercitando o aparelho fonético de vocês para o idioma português, vão aprendendo esses novos fonemas que vocês não têm e aí vai se tornar uma coisa natural quando vocês realmente precisarem falar português Está bem, combinado? Isso é para fazer hoje! Terminou aqui o vídeo, pega o texto e lê em voz alta, combinado? Então está bem Depois, a segunda dica para vocês é tentar imitar o brasileiro

É o português brasileiro que vocês estão aprendendo? Então, vão tentar imitar o brasileiro Como assim professora, vou tentar imitar? exatamente E por que isso? Quando nós imitamos, nós pegamos o ritmo da fala E isso é um fator bem importante, porque muitos alunos eu percebo que muitos dos meus alunos aprendem o português, as palavras, fazem a tradução, certo? Mas, na hora de falar, fala no ritmo do seu idioma nativo E aí, não fica bom

Muitos brasileiros acabam não entendendo que eles estão falando Entende? Fica aquele sotaque forte, não é? Porque precisa pegar o ritmo Então, você tem que imitar um brasileiro Muitas pessoas falam, por exemplo, que nós falamos meio assim Então, é isso que você tem que fazer Ah e como eu vou imitar? Uma pessoa fala, você pega uma frase de um brasileiro Por exemplo, pega um vídeo meu, assiste, pega ali um pedaço do que eu estou falando e repete exatamente do jeito que eu falei No mesmo ritmo, na mesma intonação

Percebam Isso eu aprendi também na época da faculdade Vocês sabem que eu sou formada em Letras, em línguas e a professora pedia para nós fazermos isso, porque isso é para trabalhar com tradução, especialmente a tradução simultânea Então, tem que ir falando Ela ia falando e nós íamos repetindo exatamente o que ela tinha falado, naquele mesmo ritmo! E vocês têm de fazer igual

Porque aí vocês vão pegar o nosso ritmo Senão fica assim, eu vou dar um exemplo Eu estou trabalhando aqui no Brasil Eu gosto muito do Brasil, mas estou ainda um pouco perdida, com muitas coisas, mas ainda assim estou tranquila, gosto do país, dos parques, de tudo! Falei português Todas as palavras em português

E o ritmo? O que vocês acharam? É a mesma coisa É a mesma coisa Então, precisa falar no nosso ritmo ou em qualquer idioma que vocês estejam aprendendo, tem que falar naquele ritmo daquele idioma Está bem? Uma boa ideia é cantar Quando vocês cantam, vocês vão falando exatamente como aquele cantor

Então, pega aquele ritmo da fala, certo? Meu Deus do céu! Vou deixar o link da música Essa música é linda, muito antiga, mas muito bonita mesmo! Tem que escutar até o fim, porque é forte, mas eu vou deixar o link aqui em baixo Tá bom, pra vocês Bem, e qual é a terceira dica: falar sozinho Ai, agora vou ser louca, né

Vou ficar falando sozinho aqui em casa Sim Você está no carro dirigindo, começa a conversar Começa a falar: " bom, hoje preciso fazer isso, preciso enviar um relatório, preciso Tenho uma reunião Às 11 horas vou almoçar e começa a falar Porque você está praticando! Está sozinho? Tá, "mas não tem ninguém para me corrigir" Tudo bem

Você mesmo começa a se perceber e quanto mais você fizer isso, mais vai ficar uma coisa natural também para você E depois, você mesmo vai se corrigindo porque você começa a se perceber também se está certo ou não está Entende? Ou quando você está no chuveiro, tomando seu banho, começa a falar: " hoje no meu dia eu fiz muitas coisas, hoje eu fui ao banco, hoje eu fui ao supermercado, eu fiz muitas coisas" Vai falando E aí se você tem alguma dúvida, depois você também procura no dicionário, porque aí você já sabe qual é a dúvida que você tem

Não vai esperar estar falando ou precisando falar com um brasileiro, para ter as suas dúvidas Não é ? Você já pode fazer isso todos os dias e é um exercício rápido, às vezes, dois minutos que você faça isso, já está bom Você já falou um pouquinho do português todo dia 360 dias do ano é bastante, é muita coisa Está bem, combinado? Vamos começar a fazer isso gente? Beleza! Pode conversar também com o cachorro, com gato

Eu fazia isso quando eu estava estudando inglês, conversava com o cachorro O cachorro não julga você, não fica te corrigindo, não ri da sua cara É maravilhoso Eu acho perfeito conversar com o gato, cachorro, passarinho Tá bom, não tem problema nenhum com isso

Está bem? E começa Ai, eu tive um dia difícil estou cheio de problemas hoje vedar sim estou cheia de problemas Você não sabe o que aconteceu! E uma última dica, que também era muito comum o ensino de línguas no passado, é o que? Gravar a sua voz

Hoje em dia muito fácil, temos o celular Então, é só gravar a nossa própria voz Tem aquele bloco de notas, onde nós podemos gravar, fazer gravação Então, você pode gravar algumas coisas Imagina, todo dia gravar uma frase duas frases, um pouquinho

E depois de um mês, dois meses, você escuta e fala: nossa, que diferença, olha como eu estou mais natural agora Não é? Imagina depois de seis meses: "nossa como eu melhorei" Você grava e escuta e você já vai se corrigindo, porque no outro dia, quando você escuta não ficou bom isso, vou melhorar "Estoy cansado" Não é "estoy", é "estou"

"Soy muito bonito" "Sou muito bonito" Não, é "soy", " sou" "Sou, estou" Então, você já vai se percebendo e vai corrigindo Certinho, combinado? Gente, esse é meu presente de natal para vocês

Espero que vocês tenham gostado Se gostaram, deixem um "like" Vou deixar o vídeo do natal aqui também, para quem ainda não assistiu, é o mesmo vídeo, são as mesmas coisas Gente feliz natal pra vocês que estão assistindo antes do natal, para quem já está assistindo depois, um ótimo ano de 2018 e beijo grande pra vocês e até o próximo!

Grammy para melhor canção em língua portuguesa foi para as jovens Anavitória

Grammy para melhor canção em língua portuguesa foi para as jovens Anavitória Grammy para melhor canção em língua portuguesa foi para as jovens Anavitória Trevo (Tu), da dupla brasileira Anavitória, foi distinguida como “melhor canção em língua portuguesa” nos Grammy Latinos

O disco destas jovens cantoras acaba de ser lançado em Portugal O trevo, neste caso, teve quatro folhas: candidata ao Grammy Latino, a canção Trevo (Tu) levou o galardão de “melhor canção em língua portuguesa ” Mas antes desse prémio, já tivera o prémio do público, pelo menos nas redes sociais: mais de 32 milhões de visualizações no YouTube e mais de 28 milhões de acessos em streaming no Spotify Razões para tamanha fama? Nem elas são capazes de explicar De passagem por Portugal (onde nunca tinham estado; aliás, nunca tinham viajado para fora do Brasil), as jovens Ana Caetano e Vitória Falcão foram contando à imprensa a sua história, ainda breve

O que as trouxe cá? Os concertos de Diogo Piçarra, com lotações esgotadas, onde elas participaram como convidadas, até porque regravaram com ele o tema agora premiado (há um vídeo no YouTube) para a edição portuguesa do seu álbum de estreia, Anavitória, editado pela Universal Do coração do Brasil Mas comecemos do princípio: Ana e Vitória (cuja junção de nomes deu origem ao nome da dupla) nasceram em estados vizinhos, os mais centrais do Brasil, Tocantins e Goiás Ana Clara Caetano Costa nasceu em Goiânia (Goiás), em 5 de Outubro de 1994, e Vitória Fernandes Falcão nasceu em Araguaína (Tocantins), em 2 de Maio de 1995 Ambas com familiares ligados à música, foi numa escola de Araguaína que se conheceram

“A gente se conhece da escola mas só virou amiga em 2013”, diz Vitória Nessa altura já andavam na universidade, Ana em Medicina, Vitória em Direito Ana: “A gente se adicionou nas redes sociais, eu vi um vídeo dela cantando e chamei ela p’ra gravar comigo, porque eu tinha um canal no Youtube onde colocava as minhas composições” Gravaram uma versão de uma música, assinando ainda Ana Caetano feat

Vitória Falcão, e depressa chegaram a três vídeos “A gente se encontrava nas férias p’ra gravar, porque eu já morava longe”, diz Ana “E no terceiro vídeo a gente fez uma música do Tiago Iorc, Um dia após outro” Foi este vídeo que foi enviado para o empresário artístico de Tiago, Felipe Simas “Só p’ra ver se ele assistia, não era para agradar em nada”, diz Ana

“Mas acabou acontecendo”, completa Vitória “Aí eles nos convidaram para gravar um EP”, diz Ana, “e no final de 2014 e em Janeiro de 2015 a gente já estava em São Paulo gravando” Começava assim uma aventura que chegou este ano às lojas, no CD Anavitória Juntas e muito diferentes Na edição brasileira, o tema que agora ganhou um Grammy Latino foi gravado com Tiago Iorc, cantor, compositor e produtor musical nascido em Brasília, em 1985

Tiago é, para Ana e Vitória, uma das inspirações musicais assumidas, a par de nomes como Mallu Magalhães e Los Hermanos No EP de estreia da dupla, que antecedeu Anavitória e fez também sucesso nas redes sociais (em particular o tema Singular), houve quem definisse a sua música como “pop rural” Vitória: “Esse lance de pop rural é classificação Eu acho que é uma música leve, que fala de amor Abertamente, sem rodeios

” Ana concorda: “Assino em baixo” Mas há uma coisa que as distingue, para lá disso: o uso que fazem das suas vozes em duo “No Brasil”, começa por dizer Vitória, “a maioria das duplas [e isto é dito pelas duas, em uníssono e inesperada sincronia, ficando depois Ana a completar sozinha a resposta] não têm as vozes brilhando juntas Há uma voz coadjuvante e outra que brilha em cima

Nós cantando juntas é uma coisa diferente e isso é bem característico do nosso som” Vitória: “Há gente que diz não saber distinguir as nossas vozes, quando estamos cantando juntas E são vozes muito diferentes” “Isso dá muito a cara do que é Anavitória”, completa Ana

6 PALAVRAS BONITAS EM PORTUGUÊS (PARA GRINGO)

Oii galera, como vai? Hoje falo sobre algumas palavras que eu achei bonitas em Português E se vc é novo aqui, quer aprender mais sobre a cultura e língua alemã e minha experiência cultural no Brasil e com a língua portuguesa, inscreva-se e ative o sininho para não perder novos vídeos! Bom, aprendendo Português também trouxe com si que você começa a adorar algumas palavras que estão cheios de sentimentos e símbolo Então hoje quero falar sobre algumas palavras que acho bonitas em Português

Saudade – Um sentimento, não dá para traduzir literalmente Eu senti saudade várias vezes quando sai do Brasil! Felicidade – Achei o som bem mais bonito do que em espanhol Já podem perceber que gosto das palavras que terminam com -ade: liberdade Fusca – em Alemão, é Käfer, em inglês é Beetle, mas eu adoro o nome em Português para esse modelo de Volkswagen Fofo – Fofinho, adoro que pode colocar uma diminuição em quase toda palavra e até soa bem lindo! fofinho, bonitinho, certinho Eu sei que é uma palavra com a origem indígena mas eu gosto muito como está escrita: Açaí! Mais uma palavra que gosto muito do português é coragem Em alemão significa Mut, mas em português já a palavra expressa mais o sentimento! Então, quais palavras do português vocês acham bonitas? E quais do alemão? Espero que tenham gostado, dâ uma joinha, compartilhe e se inscreva no canal