La matemática de la NASA | Katherine Johnson | MUJERES EN LA CIENCIA

Oi! Como estão? Eu sou a Karen A corrida espacial foi uma competição entre os EUA e a URSS, que começou com o lançamento do satélite soviético Sputnik I em 4 de outubro de 1957 A partir desse momento muitas pessoas em ambas as nações, Eles trabalharam incansavelmente, de modo que seu país era o líder daquela raça

Hoje vamos falar sobre uma dessas pessoas, uma mulher que era muito importante no programa espacial dos EUA E para dar uma ideia das suas contribuições Basta dizer que ela fez os cálculos para enviar o primeiro americano ao espaço Quem era essa mulher e quais eram suas outras contribuições? Vamos descobrir! PODER DA MENINA: MULHERES NA CIÊNCIA KATHERINE JOHNSON Katherine Johnson nasceu em 26 de agosto de 1918 em White Sulphur Springs, West Virginia E desde muito jovem ela mostrou grande talento para a matemática

No entanto, as leis de segregação racial existentes nos EUA, naquela época, Não permitiu que pessoas afro-americanas estudassem além da 8ª série naquela cidade Então seus pais decidem se mudar para que Katherine e seus irmãos pudessem continuar estudando Katherine entrou na idade de 15 anos na West Virginia State University de onde se forma em matemática e francês aos 18 anos Em 1937, a escolha quase única de uma mulher afro-americana trabalhar fora de casa era dedicar-se ao ensino Por essa razão, ela se muda para Marion, na Virgínia, para ser professora de música matemática e francesa

Em 1939, Kartherine era um dos três estudantes e a única mulher afro-americana selecionado para estudos de pós-graduação na Universidade de West Virginia No entanto, Katherine decidiu deixar a escola para começar uma família com seu marido James Goble E ele voltou a ensinar quando suas três filhas eram um pouco mais velhas Foi em 1952, quando Katherine aprendeu que o NACA, que é o antecessor da NASA, Eu estava procurando mulheres afro-americanas para realizar tarefas de cálculo no Departamento de Orientação e Navegação E em 1953, Katherine começa a trabalhar para a NACA

Por 4 anos ele trabalhou como uma calculadora, isto é, executar cálculos fundamentais para os projetos Principalmente nos testes de vôo, bem como na investigação de um acidente aéreo E enquanto ela estava trabalhando nesta investigação, seu marido morreu de câncer em 1956 Em 1958, a NACA se torna a NASA e é aqui que Katherine se destaca por seus cálculos Então vamos ver um pouco mais sobre eles: Em primeiro lugar, ela estava encarregada de calcular o Projeto Mercury, que que foi o primeiro programa espacial tripulado nos EUA, desenvolvido entre 1961 e 1963

Katherine calculou a trajetória parabólica do voo espacial de Alan Shepard o primeiro americano a viajar para o espaço Este vôo foi feito 23 dias após o feito de Yuri Gagarin Em 1962, a NASA estava se preparando para o vôo orbital de John Glenn, e Katherine foi chamada para verificar os resultados que foram obtidos através de computadores eletrônicos Mas o próprio John Glenn pediu que ela verificasse os resultados Diz-se que o Austronauta mencionou: "Se ela diz que eles são bons, então eu estou pronto para sair"

O excelente trabalho de Katering não terminou aí desde que ela fez os cálculos da trajetória do Aolo 11 por nada mais e nada menos que levar o homem à lua Além disso, seus cálculos ajudaram a sincronizar o módulo lunar com o módulo orbital Katherine também trabalhou na missão Apollo 13 implementando procedimentos e gráficos de navegação para trazer a nave de volta à Terra Katherine Johnson se aposentou em 1986 Mas durante sua estadia na NASA ela recebeu muitos prêmios, ela também foi selecionada como a matemática do ano em 1997 e se isso não bastasse, ele recebeu vários doutorados honoris causa '

Em 2015, ele recebeu a medalha presidencial de liberdade, que é a maior decoração civil dos EUA Também em 2017 o filme chamado "Hidden Talents" ou "Hidden Figures" foi lançado onde ele conta sua vida e a de outras mulheres extraordinárias que trabalharam na NASA E o que você acha da vida dessa mulher extraordinária? Incrível! Certo? By the way, eu recomendo que você assista o filme É um ótimo filme! Eu gostei muito e fiquei fascinado com isso Então, se eles tiverem uma chance E, a propósito, antes de terminar o vídeo, gostaria de contar sobre um pequeno evento que vai acontecer aqui no país, especificamente no estado do México

É um pequeno concurso robótico que será realizado principalmente entre as crianças Então, se você está interessado neste evento agora eu deixo uma cápsula para falar um pouco mais sobre isso e, claro, links na descrição E isso é tudo por hoje Muito obrigado por assistir! Se você gostou do vídeo não se esqueça de dar like, se inscreva para mais vídeos E acima de tudo, me ajude compartilhando nas redes sociais

Vamos fazer este aqui, um mundo com mais ciência Até a próxima!

Dia Nacional Língua Gestual Portuguesa | Ativar ou desativar as legendas

Olá pessoal Eu sou a Jéssica Que dia é hoje? É dia 15 Novembro então é dia Nacional da Lingua Gestual Portuguesa Hoje eu trago-vos uma pessoa que é professora de Língua Gestual Portuguesa O seu nome gestual é este e chama – se Ana Madeira Aqui está ela Olá todos o meu nome gestual é este, sou professora de LGP e trabalho na ilha Santa Maria nos Açores

Agora que já sabem quem ela é, eu vou – lhe fazer algumas perguntas Então o reconhecimento da LGP deu – se dia 15 Novembro de 1997, já lá vão 20 anos A língua Gestual Portuguesa tem gramática que envolve 5 parâmetros, mas eu vou destacar 3 a configuração, o movimento e a orientação, a expressão depende, às vezes tem, noutras não Então a lingua materna é a primeira língua que cada pessoa aprende Por exemplo, as ouvintes, ouvem e começam a dizer palavras então a lingua materna é a língua oral, em Portugal é o português oral Nós os surdos, se aprendemos primeiro a língua gestual, então essa é a nossa língua materna Por exemplo, os bebés para comunicação ser fluente, não vão oralizar, vão gestualizar, então a lingua materna dessas crianças surdas é a língua gestual No entanto, há surdos cuja primeira lingua que aprendem é a lingua oral então é a sua lingua materna e têm com segunda lingua a língua gestual

A maioria é assim! A Lingua Gestual Portuguesa tem uma origem, tem uma história por de trás Antes, já existiam gestos em Portugal, as pessoas já comunicaram assim, Mas um homem com este nome gestual, que se chamava Par Aron Borg natural da Suíça ou da Suécia que viajou até aqui para ensinar a abecedário que se espalhou Eu acho que é da Suíça O que é a Língua Gestual Portuguesa? Então é uma lingua igual a todas as outras línguas, o Inglês, o francês, o alemão , o espanhol, etc É uma lingua! Gestual porque é visual é feita com as mãos e Portuguesa porque é o nosso país, a nossa bandeira, então LGP, Lingua Gestual Portuguesa Numero 1 A Lingua Gestual é toda igual? Não! É diferente de país para país, é com as línguas orais, são diferentes de país para país, as línguas gestuais também são diferentes

Por exemplo: Há a LGP é de cá, a LSF que é da França, a BSL que é a Inglesa, ASL que é a Americana No mundo há muitas línguas Número 2 Quem é que inventou o abecedário em LGP? Foi um homem que se chama Par Aron Borg, que tem este nome gestual e é suiço e professor de teatro E um dia teve a ideia, ao ver um menino a gestualizar num teatro, e trouxe o alfabeto manual para Portugal Número 3 Onde foi fundada a primeira escola para surdos em Portugal? Foi a Casa Pia em Lisboa no ano 1823 a mando do Rei D

João VI Número 4 Portugal foi o 6º país a reconhecer a Lingua Gestual nacional De facto, Portugal foi o 6º pais a aprovar a Língua Gestual Pelo mundo, os países foram aprovando e Portugal foi o 6º a aprovar a Língua Gestual Portuguesa em Assembleia da República Número 5 A Língua Gestual Portuguesa também é aprendida em Africa, em vários países, por exemplo Cabo Verde, Angola, Moçambique, em vários Número 6 Cada pessoa tem um nome especial, um nome gestual, que nos identifica através de uma expressão, um hábito e é assim que é dado o nome gestual Por exemplo, quem me deu o meu nome gestual foi a Ana, foi ela que me deu o meu nome gestual que é este porque isto e um J que vem do meu nome Jéssica, então ficou assim esta configuração e na testa Porque quando eu era pequena usava franja, então ficou assim

Obrigada Ana! O meu nome gestual é este Porquê? Porque desde criança que eu me rio e fico com os olhos assim que pareço chinesa, e então o meu nome é assim Sim! Há cursos na associação da Lisboa, no Porto ou numa associação surdo perto de ti Se queres um curso oficial de Lingua Gestual Portuguesa podes tirar – la na escola Superior de Coimbra, na Universidade Católica Português de Lisboa Queres aprender Lingua Gestual online? Podes fazê-lo aqui só tes que te registar com o teu email, palavra – passe, etc

Obrigada por verem o meu vídeo Por favor gostem do vídeo e subscrevem para não perderem as próximas novidades Quero agradecer também à Ana por ter aceito o meu convite A Lingua Gestual é muito bonita! Obrigada, Adeus! Também agradeço a vocês que me viram Bye Bye Bye Beijinhos xo xo xo

PORTUGUÊS BRASILEIRO É A LÍNGUA MAIS DIFICIL DO MUNDO? | Fatos Gringos

Oii galera, como vai? Hoje quero falar sobre as coisas mais difíceis que achei durante meus estudo de português Se você é novo no canal, não esqueça de se inscrever e ativar o sininho para não perder novos vídeos! Eu já fiz vários vídeo sobre como aprendi português, onde eu aprendi português e minha motivação para aprender português

Então hoje quero falar cinco coisas que achei mais difícil durante meus estudos de português A primeira coisa que achei difícil foi a letra ã O problema é que tem que pronunciar bem nasal e isso não tinha nas línguas que aprendi antes Ainda hoje, claro, não é fácil e nomes como “João” ainda ficam um pouco difíceis para pronunciar A segunda coisa que é difícil para mim é falar o r em certas palavras

Como já tentei tremer o r mas nem consegui em espanhol, isso continua a minha dificuldade Eu tentei praticar com aulas no italki – link na descrição – e melhorei um pouco Terceiro os pronomes pessoais que ficam diferentes como em alemão As vezes eu confundo algumas palavras que parecem feminino mas são masculinos Mais uma coisa é a gramática Tem várias coisas com qual tenho problema, o maior é o subjuntivo

E a última coisa é pronunciar algumas palavras por exemplo cabeleireiro exceção ou palavras da origem indígena, tipo Maranhão ou Jericoacoara Qual é a coisa mais difícil que vc acha sobre outras línguas que estuda? Quer encontrar pessoas que gostam de idiomas também? Venha conhecer o site do Clube Poliglota Brasil! Há encontros regulares para praticar idiomas e conhecer pessoas novas também na sua região! Verifique o link na descrição Espero que tenham gostado, agradeço pela joinha e não esqueça de se inscrever no canal Até mais e bis bald!

COMO ESTUDAR MATEMÁTICA | Lucas Felpi

Oi pessoal! Bom dia, boa tarde, e boa noite, pra quem estiver assistindo! Eu aqui agora vou falar pra vocês nesse primeiro vídeo algumas dicas sobre como estudar matemática Essa matéria que é tão vista como difícil pra muitos estudantes no país, que o pessoal mais tem dificuldade pelo que eu via

Foi o assunto mais cobrado por vocês no meu post no Instagram, que teve mais comentários, e mais dúvidas foram pedidas pra mim Então eu vou aqui tentar falar algumas das dicas pra vocês estudarem essa matéria, se recuperarem nesse assunto e conseguirem ir bem nos vestibulares que vocês têm pela frente Vou juntar esse assunto em principalmente 5 dicas pra vocês estudarem matemática e, lá no final, na última dica, eu vou falar mais especificamente sobre os estudos de matemática pro Enem, o estilo dos exercícios do Enem Bom, então vamos lá! Na primeira dica, eu vou falar com o pessoal que diz que não sabe nada de matemática O pessoal que fala "não sei nada, não consigo resolver nenhum exercício, tenho muita dificuldade com qualquer matéria que aparece, não consigo resolver"

Essa dificuldade acontece com bastante gente porque matemática é a matéria mais cumulativa que existe Se você tem dificuldade em matemática a esse ponto, é porque a sua dificuldade vem de um processo anterior a hoje em dia No Ensino Fundamental provavelmente e passando os anos do Ensino Médio, pode ter pego algumas recuperações, não ter entendido completamente os assuntos A sua dificuldade vai acumulando, e você não consegue depois resolver outras matérias, porque elas exigem os conhecimentos mais básicos O que eu recomendo é você procurar os seus pontos fracos enquanto você faz exercícios, procurar qual o seu erro que você repete várias vezes, e voltar atrás mesmo pra estudar

Não precisa ter vergonha de voltar atrás nos estudos de matemática, e procurar uma matéria de Ensino Fundamental, procurar uma matéria mais básica que você tenha errado bastante, porque é isso que pode estar te impedindo de uma nota boa em matemática Se você, por exemplo, percebe que o seu erro é repetitivamente desenvolver equações de primeiro grau, volta e procura materiais na internet ou em livros didáticos, de Ensino Fundamental mesmo, procura como resolver essas equações, fazer exercícios Em qualquer matéria que você percebe que está falhando alguma coisa e essa matéria possa ser um passo atrás da que você está hoje, não tem problema: volta atrás, estuda, pra depois continuar para a mais difícil Minha dica número 2 vai sobre tempo Quanto tempo diário é bom estudar matemática? Eu acho que isso vai de cada um: você mesmo tem que saber se você tem muita dificuldade, média dificuldade, ou facilidade na matéria de matemática, e aí você vai poder ir escolhendo quanto tempo você precisa

Eu acho que você precisa ir testando e vendo quanto o seu cérebro aguenta de matemática de uma vez só, e ao mesmo tempo vendo quanto é suficiente pra você estudar e ter uma conclusão dos seus estudos por dia, sem interromper muito A dica número 3 é sobre estudar teoria Muita gente pergunta se é importante estudar a teoria de matemática, ou não, se fazer exercício é mais importante Eu considero que teoria é importante sim, porque, sem você ter um contato com a teoria, você não consegue pular pros exercícios Então, em cada assunto, eu acho que você tem que se perguntar: você já tem uma noção daquela matéria? Você já tem um pouco mais de conhecimento sobre ela? Se sim, vai pros exercícios, e aí nos próprios exercícios você vai perceber o que você está errando mais, quais são as suas dificuldades naquele assunto, pra você perceber os seus erros e aí conseguir voltar na teoria e estudar especificamente o que está te fazendo errar

Se não, se você não tem muito conhecimento sobre aquela teoria, sobre aquele assunto, primeiro estuda a teoria, estuda as noções básicas daquele assunto, pra depois ir pros exercícios Dica número 4 é sobre os próprios exercícios Como fazer exercícios de uma forma que seja eficiente e produtiva Eu acho que você tem que procurar os seus pontos fracos cada vez que você faz exercício de uma matéria, analisar o que você está errando Então a cada vez que você faz exercício, não só faz o exercício e checa se está certo: checa se o seu raciocínio foi certo, se o seu desenvolvimento foi correto

E se teve um exercício que você não conseguiu fazer, procura como faz ele na internet, ou no seu livro, ou com um professor Procura como era o passo-a-passo pra fazer aquele exercício e pra resolver, porque é assim que você vai aprendendo Sobre como fazer os exercícios em casa, eu gosto bastante de dizer pra você ler o enunciado em voz alta Muita gente se pega lendo enunciado sem entender o que está lendo, porque se distrai, porque está pensando em outra coisa, porque lê e ao mesmo tempo não está muito concentrado Eu gosto bastante de ler em voz alta, porque quando eu falo eu não tenho como me desconcentrar daquilo, eu estou me forçando a me concentrar naquelas palavras e naquela leitura, pra eu poder realmente passar uma leitura de uma vez só e conseguir já pegar o que o exercício está pedindo e o que ele está me dando

A dica número 5 vai pros próprios exercícios de Enem, como estudar pra prova de matemática do Enem Eu acredito que a prova do Enem não é só uma prova de conteúdo de matemática: ela também exige muito a habilidade de leitura e interpretação de texto Então, além de você estudar tudo isso que a gente falou até agora, sobre o conteúdo, você tem que ter boa noção de o que o Enem pede de leitura e interpretação, porque, como você pode ter percebido se você já fez alguma edição do Enem, as questões de matemática têm textos normalmente longos e complicados Esses textos longos normalmente são pra tornar a questão mais difícil do que ela é A questão pode exigir um conteúdo fácil, mas o texto torna ela um pouco mais difícil colocando palavras complicadas, ou uma situação complicada do cotidiano, que você precisa interpretar, extrair de lá as informações e extrair o que ele está pedindo de conteúdo matemático

As questões do Enem não são tão difíceis quanto parecem A forma que eu acho mais eficiente de estudar pra matemática no Enem é fazendo exercícios do próprio Enem, de edições anteriores Eu acho que depois que você já estudou a maioria dos conteúdos de matemática e vai focar pro Enem especificamente, pega bastante exercício de edições anteriores do Enem, e procura entender como eles funcionam, como eles cobram os assuntos que eles cobram, e como eles trabalham com diversos assuntos que você já estudou Normalmente os exercícios têm esses textos longos, mas quanto mais você treina, mais você treina sua capacidade de tirar a parte difícil deles e você vai conseguir resolver a maioria desses exercícios O truque é você se adaptar ao estilo de questão que o Enem cobra, que é diferente dos outros vestibulares e de outras provas por aí

Eu estou dizendo por experiência própria, porque eu mesmo entendi essa tática, entendi que essas questões não eram tão difíceis quanto parecem, então, quando eu cheguei na hora da prova, eu já olhei pras questões falando "Não, eu sei que isso daqui não é tão difícil, é só ler com cuidado, é só extrair dali com cuidado, que você faz os exercícios como você faz qualquer outro" E eu acho que é isso! Espero que vocês tenham gostado, continuem inscritos no canal, eu vou ainda fazer muitos vídeos sobre outros assuntos, outras dicas Vão me mandando no Instagram @lfelpi outras sugestões de videos e de assuntos que eu posso abordar Quanto mais conteúdo a gente vai produzindo, mais eu espero ir ajudando vocês nas suas rotinas, e agora nesse início de aulas Então, muito obrigado por assistirem, e até a próxima!

O que é Linguagem? – Resumo para o ENEM: Português | Descomplica

00:00 – Português Aline Bello Linguagem 00:15 – Olha para uma nomenclatura da prova do Enem, percebemos que a prova é chamada de linguagens, código e suas tecnologias Desse modo, o Enem valoriza o aluno que está ligado com a sociedade em que ele vive

Essa Os valores de língua, linguagem e sua aplicação na sociedade 01:10 – A prova é ver se o aluno é capaz de detectar os eventos que acontecem com língua portuguesa Nós temos o padrão padrão que é denominado padrão de referência ou cultura que é prescrita pela gramática normativa da língua portuguesa 01:30 – No entanto, na rua os humanos não usam uma língua semper na norma culta O Enem vai 02:00 – Uma linguagem diferente de expressão verbal ou não verbal Tipos: Verbal – Construídas por meio de palavras

Não verbal – Construída via de símbolos não verbais como imagens, cores, gestos Mista ou híbrida – Mistura das duas anterioresExemplo: Encargos

02:50 – Outro conceito de extrema importância é o de língua A língua é o tipo de linguagem verbal que é utilizada por uma determinada comunidade O que nos importa é uma variação que acontece na sociedadeNós, não utilizamos sempre uma norma cultaNo dia-a-dia utiliza uma linguagem coloquial

COMO APRENDI O PORTUGUÊS | Libras

A maioria de vocês me perguntou se foi eu quem criou as legendas nos vídeos se foi eu quem respondeu os seus comentários, etc Muitas dúvidas sobre esse assunto, né? Neste vídeo vou responder essas questões e contar um pouco sobre minha experiência com a língua portuguesa

Vamos lá Para quem não sabe nada sobre mim Eu nasci e cresci surdo Como na década de 90, não tinha muita informação sobre Libras muito menos Surdez a primeira língua que eu aprendi foi o português que minha mãe começou a me ensinar aos 3 anos aprendi oralizar com o uso de aparelhos auditivos mas eu não tinha noção dessa língua por isso acabei não me desenvolvendo como uma criança ouvinte eu não ouvia o som produzido pelas palavras então não conseguia reproduzir com exatidão Eu só decorava as palavras e falava que nem papagaio não sabia seus significados não conseguia me expressar com frases espontaneamente mas mesmo assim continuei decorando várias palavras Aos 7 anos, quando aprendi a Libras comecei a entender o português com a ajuda da Libras por exemplo, a professora de Libras apresentava a palavra em português "CHORAR" e em seguida sinalizava em Libras essa palavra e assim por diante, então só dessa forma eu consegui entender melhor a língua portuguesa Depois comecei a estudar conjugação do verbo (passado, presente, futuro, etc) as classes gramaticais do português e até aproximadamente uns 12 anos continuei sem entender a estrutura da língua não entendia como formar uma frase certa de acordo com a gramática Por isso, acabei escrevendo tudo confusão a maioria das pessoas nem conseguia entender o que eu queria dizer Por exemplo

O resultado disso foi que comecei a sofrer bullying por ser chamado de “burro” na escola Meus colegas não entendiam a minha condição E, como eu me tornei fluente em português? Bom, eu não sou fluente, mas conheço o suficiente para me comunicar e como eu consegui isso? Graças às tecnologias digitais! Na época passada eu usava muito o MSN acessava todos os dias depois que chegava da escola só usava para bater papo com meus amigos virtuais (ouvintes) e alguns (ouvintes) que moravam na mesma cidade que eu que não sabiam Libras

Continuei escrevendo tudo confusão ainda Ah, quero agradecer muito a eles pela paciência comigo ficamos horas conversando até madrugada, coisas de adolescentes Aos 16 anos

Num certo dia fiz uma pergunta para minha amiga: mais ou menos assim Daí ela respondeu indiretamente como se quisesse me corrigir Logo me atentei a entender conjugação de verbos percebi que eu estava errando o tempo todo Corri para minha mãe e mostrei frases que fiz para ver se eu escrevi certo ela orientou e me ensinou como escrever corretamente A partir disso, vivia aprendendo mais voltei a estudar as classes gramaticas etc Até hoje não sou fluente como já mencionei mas estou sempre estudando e aprendendo, um dia eu chego lá, né mesmo?! Agora respondendo as perguntas de vocês Gente, sou eu sim quem escreve os roteiros dos vídeos e as legendas feito isso envio para a assessoria [ouvinte] do canal para alguns ajustes Quanto aos comentários esses eu respondo totalmente sozinho, sou só eu e vocês

Quero lembrar que não sou professor de português, estou aqui pelo diálogo, okay? Os surdos não conseguem aprender os conteúdos padronizados na escola têm mais dificuldade do que ouvintes isso já foi mostrado na minha história de vida Então para ensinar e estimular os surdos a se desenvolverem o professor de português precisa observar os surdos no dia a dia saber seus costumes, interesses, assuntos, gostos pessoais, objetos reconhecer as diferenças linguísticas etc Todos os surdos se bem instruídos aprendem como qualquer um vale lembrar que não se trata de dificuldade intelectual e sim de oportunidade! Quem é [email protected] de surdos por favor, compartilhe a sua experiência de ensinar o português aqui com a gente sugestão ou dicas aqui nos comentários É muito importante essa troca de informações!!! Por hoje é isso, espero que vocês tenham gostado do vídeo E não se esqueçam de clicar no “GOSTEI” que me ajuda muito e compartilhem

E mais uma coisa estão participando do sorteio? Quero ver todo mundo lá, hein? E, agora nossa aulinha de Libras em um minuto Semana que vem vai ter uma novidade muito legal para quem quer aprender a Libras e alcançar a fluência fiquem de olho no meu Instagram Vamos lá aprender os sinais de hoje Muito obrigado pela atenção!!! Até o próximo vídeo!!!

PARÓDIA ENCAIXA | CASTRO BROTHERS | A FÓRMULA ENCAIXA | AULÃO RELASHOW ENEM 2018

É Castro Brothers e Descomplica É Descomplica e Castro Brothers Vem ver Geometria espacial é o conteúdo Do prisma à esfera, vou falar o volume de tudo Na esfera é 4 pi r ao cubo sobre três E o volume do prisma eu já vou dizer Ele é A área da base vezes a altura em todo mundo! Se liga na fórmula quando o objeto é pontudo É a área da base vezes a altura sobre três Eu vou repetir pra você entender Ela encaixa Se for um cone a fórmula Encaixa Se for pirâmide a fórmula Encaixa Quando tem bico Aí pode usar Perfeitamente Ela encaixa Vem ver Geometria espacial é o conteúdo 6 l ao quadrado é a área total do cubo A área do cone é pi r vezes r mais g g é a geratriz, não vai esquecer Lembre (lembre, lembre) 1 litro é 1 decímetro cúbico em todo o mundo E olha o volume quando o objeto é pontudo É a área da base vezes a altura sobre três Eu vou repetir pra você entender Ela encaixa Se for um cone a fórmula Encaixa Se for pirâmide a fórmula Encaixa Quando tem bico Aí pode usar Perfeitamente Ela encaixa Se for um cone a fórmula Encaixa Se for pirâmide a fórmula Encaixa Quando tem bico Aí pode usar Perfeitamente Ela encaixa Isso é geometria, fio É pra garantir o gabarito Perfeitamente Ela encaixa

Castoro Costruttore – Quanto fa? Matematica per i bambini | Cartoni Animati

Amigos o construtor de castor! Somando até 4! as formigas precisam de quatro caixas para o fruta um mais dois faz três

dois mais dois faz quatro formigas querem para manter seus frutos em uma caixa e uma caixa mais uma caixa é Duas caixas formiguinhas traz mais duas caixas mais uma caixa igual a 3 caixas mas há espaço para outra caixa ele não tem isso Onde está sua caixa de frutas, a girafa gananciosa comeu formigas estão com raiva porque você tem Comeram suas frutas

ajude-os a encher a caixa com uma fruta dois frutos temos que encher a caixa, eu disse uma e duas frutas 2 + 2 = 4 frutas mas desculpe formiga vamos trazer as caixas em estoque Enquanto isso, nós construímos uma casa para as formigas dois andares mais dois andares iguais quatro andares a última caixa está chegando três caixas mais um igual quatro caixas a casa é toda habitada nós sabemos contados até 4, encontramos mais duas frutas mais um faz três frutas 3 formigas mais uma são quatro formigas dois andares mais dois andares são 4

nos veremos em breve

FOCOS EM LÍNGUA PORTUGUESA | SOMOS LINGUAGENS

Com a BNCC, qual é o foco da disciplina de língua portuguesa? Simples! – para a formação do indivíduo! E para que essa formação? Para os diversos usos da linguagem Ou seja, não é só escrever e falar! É os diversos usos da linguagem em seus diversos campos de atuação

E para que ser preparado para os diversos usos da linguagem? Simples! – (é o segundo foco) para ser um cidadão crítico (e aqui eu falo construtivamente), respeitando o próximo e a si mesmo E para também ser um cidadão criativo! Gostou do vídeo? Dá uma olhadinha no meu outro que fala sobre linguística na Netflix! Olha ele aqui!

#OE2019 | Contratação de 25 intérpretes de língua gestual portuguesa para o SNS

Sr Presidente, Srs Membros do Governo, Sras e Srs Deputados Avocamos a proposta de alteração 74C, referente ao artigo 36

º-A do Orçamento, que visa a contratação de 25 intérpretes de língua gestual portuguesa para o Serviço Nacional de Saúde, com prioridade para a resposta a episódios de urgência no contexto dos 25 Serviços de Urgência Médico-Cirúrgica existentes no país Acessibilidade significa a possibilidade de aceder a algo No entanto, no caso das deficiências em particular, significa também o acesso com normalidade Por exemplo, os serviços da Segurança Social são considerados acessíveis pois é possível ao cidadão surdo solicitar o atendimento em língua gestual portuguesa No entanto, terá que aguardar cerca de 2 ou 3 semanas até que esse atendimento lhe seja marcado, ao passo que uma outra pessoa sem deficiência simplesmente se dirige ao balcão e é atendida

Há acessibilidade? Formalmente sim Há normalidade? Não, portanto, a acessibilidade é limitada A situação ganha especial relevância quando pensamos nos serviços de saúde Os centros de saúde e hospitais não dispõem de intérpretes apesar de genericamente serem obrigados a isso Mas então como é que um cidadão surdo comunica com o seu médico e lhe explica o que está a sentir? Ou leva consigo um familiar que possa interpretar o que está a dizer, ou paga do seu bolso a um intérprete, ou vai ter muitas dificuldades em comunicar com o médico, assistentes administrativos, enfermeiros, etc

Isto torna-se mais grave ainda em situações de emergência médica, em que a pessoa surda não tem a possibilidade de organizar uma ida ao hospital acompanhada de um intérprete Recordamos que o acesso à saúde se trata de um direito fundamental de todos os cidadãos A Lei nº 46/2006, de 28 de Agosto, proíbe e pune a discriminação em razão da deficiência Mas existe discriminação enquanto existirem cidadãos a viver à margem do quotidiano

Pior, essa discriminação parte do próprio Estado, porque não assegura condições de igualdade para todos como é seu dever No preâmbulo do Decreto-Lei nº 163/2006, de 8 de Agosto, podemos ler que “A promoção da acessibilidade constitui um elemento fundamental na qualidade de vida das pessoas, sendo um meio imprescindível para o exercício dos direitos que são conferidos a qualquer membro de uma sociedade democrática, contribuindo decisivamente para um maior reforço dos laços sociais, para uma maior participação cívica de todos aqueles que a integram e, consequentemente, para um crescente aprofundamento da solidariedade no Estado social de direito No entanto, a verdade é que os referidos diplomas são de 2004 e 2006 e essas barreiras continuam a existir ainda hoje Passados mais de 10 anos uma pessoa surda continua a não ter acessibilidade em hospitais, centros de saúde, serviços camarários, assembleias municipais, bibliotecas, ensino superior, e por aí adiante

Em suma, têm sido dados passos no sentido de melhorar as condições de vida dos cidadãos com deficiência? Sim São suficientes para assegurar uma vida independente? Não Só a inclusão nos pode conduzir a uma sociedade mais justa, com iguais oportunidades para todos, só assim se impedindo a discriminação dos vários grupos sociais As barreiras não são só arquitectónicas, são também sociais, culturais e políticas Todos devem ter acesso às diferentes oportunidades existentes, seja à cultura, aos espaços, aos edifícios, às comunicações, aos serviços, à economia e à participação política, em condições de igualdade e, enquanto isso não acontecer, não podemos dizer que vivemos numa sociedade igual e justa para todos os cidadãos

Se tudo isto ainda não é possível, pelo menos que todos tenhamos direito à saúde e a um tratamento digno no nosso sistema nacional Precisamos urgentemente de intérpretes de Língua Gestual Portuguesa no Serviço Nacional de Saúde, priorizando a resposta a episódios de urgência no contexto dos 25 Serviços de Urgência Médico-Cirúrgica existentes no país