Castoro Costruttore – Quanto fa? Matematica per i bambini | Cartoni Animati

Amigos o construtor de castor! Somando até 4! as formigas precisam de quatro caixas para o fruta um mais dois faz três

dois mais dois faz quatro formigas querem para manter seus frutos em uma caixa e uma caixa mais uma caixa é Duas caixas formiguinhas traz mais duas caixas mais uma caixa igual a 3 caixas mas há espaço para outra caixa ele não tem isso Onde está sua caixa de frutas, a girafa gananciosa comeu formigas estão com raiva porque você tem Comeram suas frutas

ajude-os a encher a caixa com uma fruta dois frutos temos que encher a caixa, eu disse uma e duas frutas 2 + 2 = 4 frutas mas desculpe formiga vamos trazer as caixas em estoque Enquanto isso, nós construímos uma casa para as formigas dois andares mais dois andares iguais quatro andares a última caixa está chegando três caixas mais um igual quatro caixas a casa é toda habitada nós sabemos contados até 4, encontramos mais duas frutas mais um faz três frutas 3 formigas mais uma são quatro formigas dois andares mais dois andares são 4

nos veremos em breve

FOCOS EM LÍNGUA PORTUGUESA | SOMOS LINGUAGENS

Com a BNCC, qual é o foco da disciplina de língua portuguesa? Simples! – para a formação do indivíduo! E para que essa formação? Para os diversos usos da linguagem Ou seja, não é só escrever e falar! É os diversos usos da linguagem em seus diversos campos de atuação

E para que ser preparado para os diversos usos da linguagem? Simples! – (é o segundo foco) para ser um cidadão crítico (e aqui eu falo construtivamente), respeitando o próximo e a si mesmo E para também ser um cidadão criativo! Gostou do vídeo? Dá uma olhadinha no meu outro que fala sobre linguística na Netflix! Olha ele aqui!

#OE2019 | Contratação de 25 intérpretes de língua gestual portuguesa para o SNS

Sr Presidente, Srs Membros do Governo, Sras e Srs Deputados Avocamos a proposta de alteração 74C, referente ao artigo 36

º-A do Orçamento, que visa a contratação de 25 intérpretes de língua gestual portuguesa para o Serviço Nacional de Saúde, com prioridade para a resposta a episódios de urgência no contexto dos 25 Serviços de Urgência Médico-Cirúrgica existentes no país Acessibilidade significa a possibilidade de aceder a algo No entanto, no caso das deficiências em particular, significa também o acesso com normalidade Por exemplo, os serviços da Segurança Social são considerados acessíveis pois é possível ao cidadão surdo solicitar o atendimento em língua gestual portuguesa No entanto, terá que aguardar cerca de 2 ou 3 semanas até que esse atendimento lhe seja marcado, ao passo que uma outra pessoa sem deficiência simplesmente se dirige ao balcão e é atendida

Há acessibilidade? Formalmente sim Há normalidade? Não, portanto, a acessibilidade é limitada A situação ganha especial relevância quando pensamos nos serviços de saúde Os centros de saúde e hospitais não dispõem de intérpretes apesar de genericamente serem obrigados a isso Mas então como é que um cidadão surdo comunica com o seu médico e lhe explica o que está a sentir? Ou leva consigo um familiar que possa interpretar o que está a dizer, ou paga do seu bolso a um intérprete, ou vai ter muitas dificuldades em comunicar com o médico, assistentes administrativos, enfermeiros, etc

Isto torna-se mais grave ainda em situações de emergência médica, em que a pessoa surda não tem a possibilidade de organizar uma ida ao hospital acompanhada de um intérprete Recordamos que o acesso à saúde se trata de um direito fundamental de todos os cidadãos A Lei nº 46/2006, de 28 de Agosto, proíbe e pune a discriminação em razão da deficiência Mas existe discriminação enquanto existirem cidadãos a viver à margem do quotidiano

Pior, essa discriminação parte do próprio Estado, porque não assegura condições de igualdade para todos como é seu dever No preâmbulo do Decreto-Lei nº 163/2006, de 8 de Agosto, podemos ler que “A promoção da acessibilidade constitui um elemento fundamental na qualidade de vida das pessoas, sendo um meio imprescindível para o exercício dos direitos que são conferidos a qualquer membro de uma sociedade democrática, contribuindo decisivamente para um maior reforço dos laços sociais, para uma maior participação cívica de todos aqueles que a integram e, consequentemente, para um crescente aprofundamento da solidariedade no Estado social de direito No entanto, a verdade é que os referidos diplomas são de 2004 e 2006 e essas barreiras continuam a existir ainda hoje Passados mais de 10 anos uma pessoa surda continua a não ter acessibilidade em hospitais, centros de saúde, serviços camarários, assembleias municipais, bibliotecas, ensino superior, e por aí adiante

Em suma, têm sido dados passos no sentido de melhorar as condições de vida dos cidadãos com deficiência? Sim São suficientes para assegurar uma vida independente? Não Só a inclusão nos pode conduzir a uma sociedade mais justa, com iguais oportunidades para todos, só assim se impedindo a discriminação dos vários grupos sociais As barreiras não são só arquitectónicas, são também sociais, culturais e políticas Todos devem ter acesso às diferentes oportunidades existentes, seja à cultura, aos espaços, aos edifícios, às comunicações, aos serviços, à economia e à participação política, em condições de igualdade e, enquanto isso não acontecer, não podemos dizer que vivemos numa sociedade igual e justa para todos os cidadãos

Se tudo isto ainda não é possível, pelo menos que todos tenhamos direito à saúde e a um tratamento digno no nosso sistema nacional Precisamos urgentemente de intérpretes de Língua Gestual Portuguesa no Serviço Nacional de Saúde, priorizando a resposta a episódios de urgência no contexto dos 25 Serviços de Urgência Médico-Cirúrgica existentes no país

Dicas de Língua Portuguesa Na Prática em 1 Minuto | Português para WhatsApp

Olá pessoal, tudo bem? Estamos de volta e hoje com o projeto Língua Portuguesa na prática em um minuto E vamos lá sem mais delongas

Recebi em um grupo de WhatsApp uma mensagem que é a história do gato desaparecido, que o nosso tema de hoje Urgente vizinhos queridos nosso gato está desaparecido há uma semana; o máximo que já sumiu foram dois dias Se alguém ver por favor nos avise; estou na rua xxxx Muito obrigada Lembrando que eu sei que o WhatsApp é uma mídia para comunicação rápida, que nós gostamos de abreviar

Veja o conteudo programatico de portugues para concluir seu supletivo ou passar em concurso.

Mas quando as pessoas escrevem com algumas falhas que a gente vai ver aqui geralmente elas também falam, principalmente na parte de conjugação de verbos Então vamos lá ver a primeira parte de falha que aparece: é a pontuação Não tem pontuação Veja aqui do lado aqui não tem pontuação nenhuma e aqui eu já coloquei a pontuação da maneira que ficaria legal Leríamos da seguinte maneira: Urgente

Queridos vizinhos, nosso gato está desaparecido há uma semana O máximo que (ele) já sumiu foram dois dias Se alguém o vir, por favor, nos avise

Estou na rua xxx Muito obrigado Então, a primeira falha é a de pontuação A segunda é o “há” com “h”, de tempo decorrido Está no passado, tempo que já passou

Então, deveria estar com “”h e não o “a” artigo A próxima é a ausência do pronome que recupera o que foi dito anteriormente Então precisava ter colocado aqui Se você usar na sua escrita vai ficar muito mais legal Depois, a conjugação do verbo ver, que neste caso, tem que ser usado como “vir” : se eu o vir

e não, se eu o ver que é muito comum também, pessoal Se quiser deixar mais formal, podemos usar o avise-nos Fica aí a dica para que você melhore seu português, para que você melhore a comunicação, porque é muito legal ver as pessoas falando cada vez mais adequado com a nossa língua e respeitando as regionalidades; eu sei disso, mas nós estamos falando aqui de norma culta e para a norma culta isso é muito importante Beleza? Gostou do vídeo? Curta, compartilhe, e inscreva-se no canal para ver outros vídeos #FocoNaAçãoFéNoResultado

“Nos vemos” por aí e lembre-se: – você é responsável por seu sucesso Tchau!