Castoro Costruttore – Quanto fa? Matematica per i bambini | Cartoni Animati

Amigos o construtor de castor! Somando até 4! as formigas precisam de quatro caixas para o fruta um mais dois faz três

dois mais dois faz quatro formigas querem para manter seus frutos em uma caixa e uma caixa mais uma caixa é Duas caixas formiguinhas traz mais duas caixas mais uma caixa igual a 3 caixas mas há espaço para outra caixa ele não tem isso Onde está sua caixa de frutas, a girafa gananciosa comeu formigas estão com raiva porque você tem Comeram suas frutas

ajude-os a encher a caixa com uma fruta dois frutos temos que encher a caixa, eu disse uma e duas frutas 2 + 2 = 4 frutas mas desculpe formiga vamos trazer as caixas em estoque Enquanto isso, nós construímos uma casa para as formigas dois andares mais dois andares iguais quatro andares a última caixa está chegando três caixas mais um igual quatro caixas a casa é toda habitada nós sabemos contados até 4, encontramos mais duas frutas mais um faz três frutas 3 formigas mais uma são quatro formigas dois andares mais dois andares são 4

nos veremos em breve

Castoro costruttore – impariamo la matematica! – sommiamo fino a 6! – cartoni per bambini

o construtor do castor nós adicionamos até 6 super fantástico, vamos começar a contar até 6 3 mais 2 é igual a 5 3 mais 3 é 6 uma formiga permaneceu preso no galho pedimos ajuda? idéia! chame outras formigas talvez juntas, você pode abaixá-las aqui você precisa de uma formiga formiga mais uma formiga 3 formigas não podem fazê-lo chame outras formigas aqui elas são as formigas mais 2 formigas iguais 5 formigas você ajudou um amigo que estava com problemas e a girafa onde ele estaria? vamos procurá-la e ver o que ela está fazendo

você cai em um poço de lama um passarinho vem te ajudar nada a fazer passarinho traz outros balões três balões mais 3 balões faz 6 balões que ajudaram nosso amigo fantástico agora ela pode patinar novamente dia bonito nós ajudamos nossos amigos e nós adicionamos até 6, vamos ver três pássaros mais 3 é 6 passarinhos 2 formigas mais 3 formigas são iguais a 5 formigas e 5 formigas mais uma é igual a 6 formigas 4 balões mais dois balões iguais 6 balões um balão mais 4 balões é igual a 5 balões até logo

Verso Una Matematica Accessibile e Inclusiva (LIS)

FRidA, o fórum de pesquisa da Universidade de Turim apresenta: "Rumo à matemática acessível e inclusiva" Fórmula: "x é igual, linha fracional, b mais ou menos raiz quadrada de, b ao quadrado menos 4ac, fração 2a" Sara está acessando um texto com fórmulas matemáticas usando tecnologias assistivas Essas tecnologias transmitem muito bem o conteúdo do texto no entanto, fórmulas, gráficos ou tabelas são mais difíceis Este é o nosso foco de pesquisa Nós usamos o editor mais difundido de texto científico, LaTeX Nossa contribuição consiste em habilitar os autores a fazer arquivos PDF obtidos a partir do código fonte do LaTeX

acessível a pessoas com deficiências visuais, adicionando apenas uma linha de código No ensino médio eu usei Lambda, um software para estudar e escrever matemática no entanto, este software é difundido apenas entre pessoas com deficiência visual LaTeX me permitiu preparar de forma mais eficiente para meus exames o que teria sido um obstáculo, como a economia política Nosso projeto, iniciado há 5 anos, envolve cerca de 15 membros da Universidade de Turim e, em especial, do Gabinete para Pessoas com Deficiência e também da Universidade Politécnica de Turim, Universidade de Milão e Catania Estamos convencidos de que a maneira de tornar a matemática acessível é promover o uso de LaTeX Conseguimos isso através de cursos LaTeX para professores de escolas, que fornecem a eles e seus alunos, que não são necessariamente pessoas com deficiências visuais, com instrumentos importantes para suas futuras carreiras A necessidade de permitir que pessoas com deficiência visual acessem conteúdo científico motivou nossa pesquisa também no campo da Matemática pura Os resultados obtidos foram utilizados para melhorar a acessibilidade de documentos científicos Estas atividades compreendem o nosso projeto "Rumo à matemática acessível e inclusiva", iniciado em 2012

Entre as tecnologias assistivas, temos impressoras de gravação Para a escola com recursos limitados, sugerimos o uso de uma impressora térmica manual para impressão Essas tecnologias e atividades farão parte do nosso laboratório prospectivo para a pesquisa e experimentação com novas tecnologias assistivas para STEM Que é nomeado após o nosso colaborador, Sergio Polin, que faleceu em 2012 Nosso laboratório será inaugurado pelo reitor da Universidade de Turim em novembro de 2018 15 pessoas estão trabalhando neste projeto, entre as quais há muitos voluntários, em particular 7 pessoas com deficiência visual, graças a quem podemos avaliar a eficácia da nossa pesquisa As atividades laboratoriais são possíveis graças a: Este vídeo foi criado pelo FRidA, o fórum de pesquisa da Universidade de Turim

Geogebra: sperimentare con la matematica

Oi pessoal, o aplicativo que eu vou apresentá-lo é chamado de "Geogebra" "GeoGebra" é um aplicativo opensource sobre Matemática que inclui Geometria, Análise, Estatística e Cálculo de Probabilidade Para encontrar este aplicativo é necessário inserir o link "wwwgeogebra

org" O registro é obrigatório para use-o Para se inscrever nós só temos que clicar em "Access" e depois em "Criar uma conta" Durante o registro nós será solicitado a inserir um email pessoal, uma senha e nosso nome de usuário Desde que já me registrei Vou acessar com minhas referências pessoais Este é meu perfil pessoal No topo da página haverá as coisas que criamos Nossos grupos nos quais participamos e cada grupo e conta eu escolhi seguir Se quiséssemos criar um novo documento, vamos ter que clicar em "Novo" Temos a possibilidade de usar o "GeoGebra Math" calculadora, para criar uma nova "Folha de trabalho" ou para criar um "Livro" Vamos clicar em "Criar uma Folha de Trabalho" Para criar uma "Folha de trabalho" é realmente facil nós apenas temos que escolher um título e que tipo de documento que queremos para criar, por exemplo, um texto, um vídeo e mais É muito importante para decidir quem pode ver o nosso trabalho A visibilidade pode ser privada compartilhado com um link, em outras palavras apenas os usuários que têm o link vai ver o que fizemos ou público e visível por todos Desde que eu já criei minha "folha de trabalho" Eu posso mostrar para você Esta é minha "Folha de trabalho" é muito básico, eu escolhi uma tipologia textual selecionando um cabeçalho e um subtítulo Se quiséssemos escolher outras funcionalidades poderíamos escolher o principal que é o mais importante: as "calculadoras matemáticas do GeoGebra" Estes incluem todos os recursos do aplicativo

Neste plano cartesiano eles nos permitem criar gráficos e usar Geometria para criar várias formas geométricas, para criar Gráficos 3Ds além dos 2D, usar alguma "Folha de cálculo" e calcular probabilidades ou podemos fazer algumas operações e funções Isto é um exemplo de um projeto já criado por mim Esse é meu trabalho E isso ajudará você a entender todos os recursos que este aplicativo oferece Existe até a versão 3D do gráfico "GeoGebra" tem um muito importante característica: você tem a possibilidade de trabalhar com outros usuários Esse recurso foi ainda usado por muitos usuários no "Modo Exame" o que nos permite usar o Geogebra "Folhas de trabalho" para exames sobre vários assuntos como Geometria, Análise, Estatística e Cálculo de Probabilidade Quando terminarmos todos os documentos estarão disponíveis no nosso perfil pessoal e uma vez nós terminamos usando o aplicativo podemos sair

Chiara Burberi, l’imprenditrice che rende la matematica un gioco

Para mim, a pesquisa é uma mistura de curiosidade e paixão, meus dois termos favoritos Curiosidade e paixão significam basicamente imaginar um futuro diferente e acima de tudo para realizá-lo, o desejo a determinação para perceber isso, para que isso aconteça

Redooccom é uma plataforma de ensino digital dedicado em particular aos temas STEM, mas com vocação também ensinar e aprender a ler e escrever Eu chamo isso de academia porque os atletas podem melhorar-se usando e puxando para fora e ainda melhor seus talentos pessoais com o Redooccom trouxemos uma inovação importante no ensino de escolas italianas antes de tudo re-avaliar matemática, matemática, que é a linguagem básica de todas as disciplinas científicas, os chamados temas STEM, e segundo trouxemos o jogo de volta para as salas de aula italianas

A plataforma é gamificados, então meninos e meninas são encorajados a fazer exercícios aprender praticando, apesar dos erros, apesar das dificuldades, e melhorar Gamification é uma ótima ferramenta que funciona bem em todas as idades Os homens aprendem por prazer ou por obrigação e necessidade, nunca para o dever, assim nas escolas bem-vindos gamification É essencial começar com estimular a inovação, portanto, a pesquisa, já que as escolas porque eu meninos e meninas se acostumam a tentar, cometer erros, tentar de novo, ter um objetivo e aprender a alcançá-lo seja qual for o esforço e o caminho a ser feito

matematica cortada para estudar a distancia

Então com tripla cinco e como ele te deu 15 você assumiu que era o número 20 e veja e agora, como podíamos ver um pouco o que os companheiros fizeram o que fizemos lá no quadro-negro Quantos bolos você colocaria na terça? Estudante: 20 PF: 20 ainda? E no sábado? Quero dizer, terça-feira fez mais bolos do que sábado? A: Então, em uma ou duas semanas? PF: Em uma semana Nós subtraimos 5 Subtraia cinco de que número? A: Aos 15 PF: Aos 15? Já pense e volte PF: Faça o exercício com os cubos para que eles possam ir em frente e fazer isso A: mas você tem que dar uma explicação do que fizemos em um grupo Aqui te empresto borracha PF: Estamos no sábado e temos 30 Estamos perguntando sobre o dia terça-feira estamos dizendo que, até o sábado aumentou se começarmos a contar o que ele fez na segunda-feira, na terça-feira Na segunda ele fez 5 e na terça ele fez 10 10 por 3 Você tem que contar 30 Como já resolvemos Atenção aqui atenção aqui Você quer explicar? Eu vou te dar a palavra Agora eu quero alguns de vocês explicar o que ele fez no segundo caso com os cubos alguém quer muito forte para que todos nós escutemos Como foi, por exemplo, a operação é que Sábado fez o triplo da terça-feira na terça-feira ele fez 10 no sábado ele tinha 30 mas nós representamos com dizer um torre de 10 cubos e tres vezes uma torre de 10 cubos nos unimos e nós contamos e ele nos deu 30 e a multiplicação é 10 x 3 Excelente, vamos ver atenção aqui Eu acredito que nem todo mundo ouviu o que o seu parceiro (grupo) fez é muito interessante eles sabem que no sábado fizeram 30 você sabe que na terça-feira eles fizeram 10 porque eles mostraram que na segunda-feira fizeram cinco e na terça Ele fez mais cinco, então eles fizeram 10 E como eles o representaram? eles fizeram três grupos de dez elementos 10 bolos de osso 10 bolos, 10 bolos, 10 bolos na terça-feira ele fez 10 Sábado ele fez o triplo, quero dizer três vezes o que ele fez na terça-feira o que ele fez na terça-feira, o que ele fez na terça-feira e o que ele fez na terça-feira, chegamos a triplicar que é o que é finalmente o sábado Muito bem! Existe alguém que fez o mesmo? Você fez o mesmo? Alguém fez algo diferente ou não entende muito bem como a tarefa é feita O que eles fizeram diferente? A ver, me lá atrás, vi que o parceiro igual veio ao resultado então eu quero saber como você chegou a esse resultado? porque se na segunda-feira eu estou seguindo a mesa na segunda-feira foi 5×1 na segunda ele fez 5 na terça-feira ele fez 10 na quarta-feira 20 Quinta-feira 30 não, quinta-feira 25, 30 então no sábado ele fez 30 Então a compañera estava montando a mesa de 5 1 por 1 Então, o que fizemos hoje? Nós começamos a andar um pouco por isso é a mesa de cinco, certo? cinco para 1, cinco para 2, cinco para 3 Então, hoje, em resumo, poderíamos ver a tabuada Que número? A: cinco PF: cinco verdade Este guia mantém no caderno de matemática e cole-o

Continue estudando e confira o programatico do supletivo a distancia

clique aqui

A máquina x o homem

Um grupo de estu­dan­tes da Uni­ver­si­dade de Tec­no­lo­gia de Swin­burne, na Aus­trá­lia, inven­tou uma máquina cha­mada Ruby, que con­se­gue resol­ver o cubo mágico, sepa­rando os qua­dra­di­nhos de cada cor em cada face do cubo, em ape­nas 10,96 segun­dos – a marca mais rápida para um robô.

Fun­ci­ona assim: a máquina esca­neia cada lado do cubo, quando uma web­cam e um soft­ware espe­cial apli­cam uma fór­mula de algo­ritmo para encon­trar a solu­ção.

Mesmo assim, quem con­se­guiu resol­ver o cubo mágico mais rápido foi, jus­ta­mente, uma pes­soa de carne e osso. O aus­tra­li­ano Feliks Zem­degs (foto), de ape­nas 15 anos, colo­cou as cores nos lados cor­re­tos em ape­nas 6,24 segun­dos, no Cam­pe­o­nato Kuba­roo Open, em 2011.

*Com infor­ma­ções do site Go To Say

…e resol­vido pelo garoto de 15 anos

Fonte: Go To Say

V Encontro Brasiliense de Educação Matemática

Apre­sen­ta­ção

O tema Edu­ca­ção Mate­má­tica e Cri­a­ti­vi­dade será o foco das dis­cus­sões do V Encon­tro Bra­si­li­ense de Edu­ca­ção Mate­má­tica – evento orga­ni­zado pela Soci­e­dade Bra­si­leira de Edu­ca­ção Mate­má­tica – Regi­o­nal Dis­trito Fede­ral (SBEM-DF), que será rea­li­zado nos dias 23, 24 e 25 de setem­bro de 2011, na Escola de Aper­fei­ço­a­mento dos Pro­fis­si­o­nais da Edu­ca­ção — EAPE, em Brasília-DF. O V EBREM con­gre­gará em torno de 500 par­ti­ci­pan­tes, entre pro­fes­so­res da edu­ca­ção básica, alu­nos de gra­du­a­ção e pós-graduação, pro­fes­so­res da edu­ca­ção supe­rior e pes­qui­sa­do­res das áreas de Edu­ca­ção Mate­má­tica, His­tó­ria da Mate­má­tica, Mate­má­tica e áreas afins.

A com­ple­xi­dade da soci­e­dade atual, mani­festa nos mais vari­a­dos seto­res como as ciên­cias, a eco­no­mia, as tec­no­lo­gias, a orga­ni­za­ção domés­tica e pes­soal, requer para seu pla­ne­ja­mento, admi­nis­tra­ção, desen­vol­vi­mento e manu­ten­ção, além de conhe­ci­men­tos e com­pe­tên­cias, o que tem sido cha­mado de criatividade.

As prá­ti­cas esco­la­res podem pro­mo­ver con­di­ções favo­rá­veis ao desen­vol­vi­mento do poten­cial cri­a­tivo dos alu­nos. No caso da Mate­má­tica, faz-se neces­sá­rio refle­tir sobre a forma de orga­ni­za­ção do cur­rí­culo e do tra­ba­lho peda­gó­gico, pois, em mui­tas salas de aula, em vez de se esti­mu­lar a cri­a­ti­vi­dade, reforçam-se este­reó­ti­pos que carac­te­ri­zam a Mate­má­tica como uma área difí­cil de ser apre­en­dida, sem espaço para a cri­a­ti­vi­dade, pois se trata de uma ciên­cia exata e imutável.

Mas como pode­mos defi­nir cri­a­ti­vi­dade em Edu­ca­ção Matemática?

No V EBREM, dese­ja­mos res­pon­der a essa per­gunta e dis­cu­tir as diver­sas for­mas de expres­são da cri­a­ti­vi­dade em Mate­má­tica. Para isso, a estru­tura aca­dê­mica do evento consta de pales­tras com pes­qui­sa­do­res de renome naci­o­nal e inter­na­ci­o­nal na área de Edu­ca­ção Mate­má­tica, oferta de vários mini­cur­sos, pôs­te­res e rela­tos de expe­ri­ên­cias, comu­ni­ca­ções cien­tí­fi­cas e ati­vi­da­des cul­tu­rais. Durante o V EBREM, tam­bém acon­te­cerá a Assem­bleia ordi­ná­ria da SBEM-DF e a elei­ção de uma nova diretoria.

Faça já sua ins­cri­ção, inclu­sive com a apre­sen­ta­ção de seus tra­ba­lhos em uma das moda­li­da­des, e divul­gue o evento junto aos seus colegas.